Receita Federal abre consulta ao 7º lote de restituição do IR

Crédito bancário para 320.606 contribuintes será realizado no dia 16 de dezembro.Foto-Divulgação

A Receita Federal anunciou a abertura da consulta para o sétimo e último lote de restituição do imposto de renda 2019 a partir das 9h desta segunda-feira (9), que contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone 146.

O contribuinte que tem direito à restituição e não estiver em um dos sete lotes, contando com o que é divulgado nesta segunda, está na malha fina.

O crédito bancário do sétimo lote alcançará 320.606 contribuintes e será realizado no dia 16 de dezembro. O valor total a ser disponibilizado chegará a R$ 700 milhões.

Segundo a Receita, no serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências de dados identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, é possível fazer a autorregularização com uma declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e situação cadastral no CPF.

A restituição ficará disponível no banco informado pelo contribuinte na declaração durante um ano. Se o resgate não for feito nesse prazo, deverá requerê-la pela internet, mediante o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Caso o valor não seja creditado, o contribuinte poderá contatar pessoalmente qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Movimento Feminino pela Anistia recebe Prêmio Frei Tito

Prêmio Frei Tito de Alencar de Direitos Humanos foi entregue na segunda-feira ,9/12. Foto – José Leomar

O Prêmio Frei Tito de Alencar de Direitos Humanos da Assembleia Legislativa foi entregue na noite desta segunda-feira (09/12) ao núcleo cearense do Movimento Feminino pela Anistia. O evento, realizado pela Comissão de Direitos Humanos da AL, aconteceu no auditório Deputado João Frederico Ferreira Gomes.

Em 1976, há 43 anos, mulheres fundavam, no Ceará, o Movimento Feminino pela Anistia, tornando o estado o terceiro do País a ter um comitê de luta pela anistia dos perseguidos políticos pela ditadura militar. Na edição de 2019, o Prêmio Frei Tito da AL reconhece e homenageia a mobilização, força e contribuição das mulheres do Movimento à luta pelos direitos humanos no Ceará e no Brasil. 

“Hoje temos a alegria e a responsabilidade de, em uma sociedade patriarcal, machista e misógina, homenagear mulheres que, em sua ousadia e coragem, lançaram-se às ruas, praças e à história para lutar por liberdade. Muitas vezes nossa sociedade apaga as mulheres que fizeram e fazem história no País, então também estamos aqui para fazer justiça”, destacou o deputado Renato Roseno (Psol), presidente da Comissão de Direitos Humanos da AL.

O deputado afirmou ainda que “enquanto alguns usam seus lugares de fala para homenagear torturadores, relembrarem a ditadura com saudade e ameaçarem a sociedade brasileira com autoritarismo, nós estamos para olhar o passado, firmar o presente e dizer que no futuro o Brasil será mais democrático, mais livre e mais justo”. Segundo ele, as homenageadas são inspirações e a democracia brasileira deve muito a elas. O Prêmio Frei Tito de 2019, comenda instituída em 2001, foi entregue a mais de 60 mulheres que fizeram parte do Movimento Feminino pela Anistia no Ceará, que receberam certificados e homenagens.  

Nildes Alencar, em nome das homenageadas, ressaltou a força do Movimento Feminino pela Anistia que, corajosamente, enfrentou as leis arbitrárias, o regime autoritário que cerceou os direitos políticos, sociais, a liberdade de expressão, a imprensa, as universidades, escolas com censura, prisões arbitrárias, torturas, desaparecimentos e mortes. 

Nildes, uma das fundadoras do Movimento, ressaltou que a luta as tornou “mais humanas, mais brasileiras, mais mulheres” e deixou um legado histórico de coragem, persistência e crença na união do povo em defesa da luta por uma anistia ampla, geral e irrestrita. Lendo poesia de sua autoria para o irmão e outros perseguidos políticos, Nildes afirmou ainda a importância de preservar e guardar a memória dos mortos e torná-los vivos. 

Maria Luiza Fontenele, também participante do Movimento, comentou que o Ceará nunca mais foi o mesmo depois que as mulheres tomaram a frente da luta contra “o pior que havia naquele momento”. “Tivemos muita coragem, mas como não ter, se tínhamos dentro de nós a figura de um Frei Tito de Alencar?”, destacou. Segundo ela, as mulheres tiveram coragem de assumir papel importante naquele período, assim como de criar novos caminhos, indicando que o Movimento revolucionou corações e mentes. 

O evento contou com apresentação do livro “Jogos da Memória – O movimento feminino pela anistia no Ceará (1976-1979)”, da jornalista e professora Ana Rita Fonteles. O Prêmio contou ainda com apresentações do grupo Choro Grande Banda, da Universidade Estadual do Ceará (UECE) e Talita Oliveira Ferreira.

Nesta segunda, a Comissão de Direitos Humanos da AL realizou ainda seminário com organizações, movimentos e colegiados com foco no mês em defesa dos direitos humanos, que terá atividades ao longo de dezembro, uma vez que o dia 10 de dezembro é o Dia Internacional dos Direitos Humanos. 

Participaram ainda da solenidade, Mônica Barroso, defensora pública do Estado, representando a Defensoria Pública Geral do Estado; Hugo Porto, promotor de justiça do Ministério Público do Estado do Ceará e Cristiane Faustino, presidente do Conselho Estadual de Defesa dos Direitos Humanos. 

Também estiveram presentes na solenidade Ana Virgínia Porto, presidente da Comissão de Direitos Humanos da OAB-CE; João Milton, presidente do INESP; Larissa Gaspar, presidente da Comissão de Direitos Humanos da Câmara de Vereadores de Fortaleza e Inácio Arruda, secretário da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Ceará.  SA/LF 

Fonte:Agência de Notícias da Assembleia Legislativa

IFCE realiza concerto de música erudita em Sobral

Marcilane Cruz e Renato Costa formaram o dueto para disseminar a música erudita.Foto- Divulgação/IFCE

Professores do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFCE) do campus de Sobral, Marcilane Cruz e Renato Costa apresentam na noite desta  quarta-feira (11) o Duo Cruz & Costa. O recital de piano e clarinete é um desafio para os músicos: apresentar a música erudita aos alunos, já que a maioria deles é familiarizada apenas com a música popular.

“Nossos recitais de estreia ocorreram em dezembro de 2018. Com a reação positiva do público do campus e de Fortaleza, ficamos convencidos de que devemos continuar divulgando esse repertório tão rico em beleza! Dessa forma, após um período de aperfeiçoamento da professora  Marcilane Cruz em doutorado no Canadá, estamos reiniciando nossas atividades e repetindo o recital de 2018 com o acréscimo de duas músicas inéditas, mas já trabalhando novo repertório para recitais em 2020”, afirma  Renato Costa .

Os  professores acreditam que música erudita não é privilégio de poucos, mas que está acessível a qualquer um que esteja disposto a se entregar a ela. “Nossa vontade é que o repertório agrade e que, principalmente, gere certa curiosidade por este lado da música menos explorado em nosso contexto cotidiano”.

No programa do recital didático, estão músicas que vão desde o período Barroco até o Contemporâneo. Uma viagem que passa pela Alemanha de  Bach, Áustria de Mozart e França, de  Satie e  Debussy. “Teremos ainda duas composições brasileiras: um improviso de Villa-Lobos e uma obra para clarinete solo Osvaldo Lacerda. E, para encerrar a noite, ouviremos a obra de um compositor ainda vivo, da Itália, Michele Mangani”, destaca Renato.


Serviço:
Recital do Duo Cruz & Costa de clarinete e piano
Quarta-Feira, 11 de dezembro de 2019
Horário: 20h 
Auditório do IFCE Campus de Sobral
Av. Dr. Guarani, 317 – Derby Clube
Entrada Franca

Por Diário do Nordeste/Redação, 12:23 / 11 de Dezembro de 2019

PALAVRA-CHAVE:

III Bienal do Livro do Sertão destaca a educação de Sobral

Educadora Jacyra Pimentel falou sobre a trajetória da educação sobralens.Foto-Divulgaçãoe

A educação de Sobral foi tema de uma palestra na III Bienal do Livro do Sertão, realizada em Salgueiro (PE), no período de 19 a 23 de novembro. A convite da Secretaria da Educação do município pernambucano, a educadora Jacyra Pimentel falou sobre a trajetória da educação sobralense, desafios, estratégias e programas adotados pelo município que o levaram a ter hoje a melhor rede pública de educação do Brasil.

A III Bienal reuniu centenas de visitantes das cidades do sertão pernambucano e contou com debates e bate-papos com personalidades e escritores, como o jornalista Francisco José, o educador Hamilton Werneck e o psiquiatra Gervásio Araújo, além de apresentações culturais com estudantes.

Com o objetivo de facilitar o acesso da comunidade aos livros e estimular o gosto pela leitura, a III Bienal do Livro do Sertão foi promovida pela Prefeitura Municipal de Salgueiro, por meio da Secretaria de Educação, em parceria com a Associação do Nordeste de Distribuidoras e Editoras de Livros (Andelivros).

Com informações do Portal da Prefeitura de Sobral

Seleção de professor da UFC em Fortaleza,Sobral e Crateús

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC) em Fortaleza.Foto-Arquivo

A Universidade Federal do Ceará lançou o Edital nº 188/2019 para o preenchimento de quatro vagas de professor substituto dos campi de Fortaleza, Sobral e Crateús. As inscrições começam a partir do dia 11 de dezembro, a depender do área e da titulação dos candidatos. 

Em Fortaleza são ofertadas duas vagas: uma para o Departamento de Engenharia de Pesca, no setor de estudo Desenho Técnico para Ciências Agrárias, com jornada de trabalho de 20 horas semanais; e outra para o Departamento de Zootecnia, com jornada de 20 horas.

Em Sobral, a vaga é para o Curso de Odontologia, no setor de estudo Saúde Coletiva / Evidência Científica, com  jornada de 40 horas semanais. Já no Campus de Crateús há uma vaga no setor de estudo Física e Matemática, com regime de 40 horas semanais de trabalho.

Outras informações sobre prazos, inscrições e remuneração estão disponíveis no edital.

Fonte: Portal da UFC – Divisão de Concursos e Provimento da PROGEP – fone: (85) 3366 7407

Realizado em Sobral o XIII Encontro Mestres do Mundo

Vice-governadora Izolda Cela participou da programação do Encontro Mestres do Mundo.Fotos-Divulgação
Mais de 70 mestres da cultura, grupos e coletividades estiveram reunidos em Sobral

A cultura cearense se ilumina. As apresentações das mais diversas manifestações da cultura popular, como o reisado, bumba-meu-boi e o coco; as rodas de repasse de saberes e fazeres do mestres e mestras da cultura do Ceará; e a demonstração de resistência de grupos que mantêm viva a cultura no interior do Estado, marcaram os 4 dias do XIII Encontro Mestres do Mundo em Sobral, de 4 a 7 de dezembro, realizado pelo Governo do Estado do Ceará, por meio Secretaria da Cultura (Secult). Momentos especiais fortaleceram o objetivo do encontro: a fala do povo Wajãpi, do Amapá, sobre a preservação da terra e da cultura indígena; a homenagem ao mestre Antonio feita por seu Reisado dos Irmãos e sua filha; e as rodas de saber entre mestres, jovens e crianças.

Reunindo 74 guadiões da cultura cearense, o encontro foi palco também da diplomação de 11 novos mestres, além de dois grupos e uma coletividade, selecionados por meio de Edital “Tesouros Vivos da Cultura” do Estado do Ceará, lançado em 2018. Junto ao diploma, os novos mestres receberam o Título de Notório Saber em Cultura Popular, concedido pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), em articulação com a Secult.

Foram dias de aulas-espetáculo, oficinas com estudantes da rede pública de ensino, apresentações com grupos de cultura popular locais e de outros cantos do Brasil, como o povo Wajãpi, e do mundo, com o grupo Fuocco di Strada, do México, além de feira de artesanato, exposições e seminário. O evento estruturante da Secult e parte integrante da política de patrimônio imaterial da pasta recebeu mais de 18 mil pessoas.

“É uma alegria estarmos nessa festa, nessa culminância e momento de encerramento festivo. Eu trago aqui os cumprimentos do governador Camilo Santana. Ele me incumbiu de trazer a todos vocês o abraço dele. Como vocês sabem, ele é um governador que vem procurando fortalecer essa política que a Secretaria da Cultura vem fazendo. Eu vejo que essa política dos mestres – e o governador também acha isso – é uma das mais vigoras e importantes da Secretaria. Acho que o Encontro trouxe uma chama da cultura para a cidade. E a cidade de Sobral também recebeu muito bem o evento. Os Mestres trazem saberes e conhecimentos que têm a ver com a nossa identidade e nossa história. Isso é muito importante e devemos valorizar nossas raízes. Agradeço a cada Mestre pela disposição que eles têm de compartilhar e de encantar as pessoas com suas vivências”, declarou a vice-governadora Izolda Cela, na cerimônia de encerramento do XIII Encontro Mestres do Mundo.

“Aqui é um lugar de muito amor e muita ternura. O tema dessa edição do Encontro é ‘Construindo Resistência Entre Girassóis e Mandacarus’. Nós recebemos aqui nesses dias o povo Wajãpi, que está sob ameaça. Estamos defendendo aqui seus direitos enquanto povos originários. Encontramos com eles e com os Mestres da cultura indígena do Ceará, porque estamos também nessa defesa de todos os povos indígenas. Aqui é um lugar de encontro, para celebrar nossa cultura, mas também é lugar de reinvenção”, destacou, por sua vez, o secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba.

Com informações do Portal da Secult-CE

Uece abre seleção para Residência em Medicina Veterinária

Campus Itaperi, da Universidade Estadual do Ceará. Foto- Tatiana Fortes/O Povo

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) lançou edital da segunda seleção para seu Programa de Residência em Área Profissional da Saúde / Medicina Veterinária. As inscrições acontecem até 13 de dezembro de 2019.

O programa tem como objetivo principal especializar profissionais Médicos Veterinários do ponto de vista ético, político técnico-científico, desenvolvendo ações de promoção, prevenção e vigilância em saúde, com atividades integradas de diversas políticas públicas sociais e urbanas, além de aprofundar os conhecimentos práticos na subárea escolhida.

Com oferta de nove vagas, poderão se candidatar à Residência, portadores de diploma do Curso de Graduação em Medicina Veterinária em Instituição de Ensino Superior (IES) reconhecida pelo Ministério da Educação (MEC).

Os interessados deverão realizar inscrição na Secretaria da Faculdade de Veterinária, no campus Itaperi, das 9h às 12h e das 13h30 às 16h30.

Leia o Edital.

Mais informações: 85 3101-9850 / residencia.favet@uece.br

Santa Casa de Sobral coleta leite humano nas residências

Santa Casa de Misericórdia de Sobral possui um posto de coleta de leite humano.Fotos-Divulgação
Hospital disponibiliza uma enfermeira para coleta na residência da doadora de leite humano.

A Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) possui um posto de coleta de leite humano vinculado ao Banco de leite Materno do Hospital Regional Norte (HRN). Antes de ser colocado em frascos, o leite doado passa por uma triagem. Há um acompanhamento realizado pela enfermeira Guardiã da Amamentação, para que as mulheres possam aprender a higienizar o seio e os frascos que receberão o líquido, ordenhar o leite e como congelá-lo corretamente. O Hospital também disponibiliza uma enfermeira para realizar a coleta na residência da doadora de leite humano.

“Acreditamos na importância do leite materno, por isso incentivamos e estimulamos as mães a amamentarem e doarem leite quando se tem uma boa produção. Esta é uma prática que auxilia no desenvolvimento do recém-nascido prematuro, fortalecendo o sistema imunológico do bebê”, ressaltou a coordenadora da Maternidade da SCMS, enfermeira Michelle Prudêncio.

As mães que desejam ser doadoras devem procurar o posto de coleta da Santa Casa e realizar uma triagem para ser preenchido o cadastro de doadora de leite humano. Para preencher o cadastro no dia da triagem é necessário portar os documentos (RG ou documento com foto) e caderneta da gestante.

Mais informações: (88) 3112-0400 (Pedir ligação para a Maternidade)
Com informações da Assessoria de Comunicação da SCMS

Filme cearense “Soldados da Borracha” vence cinco categorias do Festival Aruanda

“Soldados da Borracha”: A obra resgata a missão dada aos cerca de 60 mil soldados que foram enviados à região amazônica durante a Segunda Guerra Mundial, para extrair látex dos seringais e destiná-lo à indústria norte-americana de armamentos.
O filme “Soldados da Borracha” é obra do cineasta Wolney Oliveira. Foto-Divulgação

O Cineasta Wolney Oliveira venceu seis prêmios no encerramento do 14º Festival Aruanda do Audiovisual Brasileiro, na última quarta-feira (4), em João Pessoa. O filme “Soldados da Borracha” conquistou os prêmios na Mostra Competitiva de Longas Metragens “Sob o Céu Nordestino”.

O longa ganhou nas categorias de Melhor Som, Melhor Edição, Melhor Trilha Sonora, Melhor Longa Metragem e Melhor Longa pelo Júri Popular. Além disso, recebeu ainda o prêmio no valor de 15 mil reais para finalização do próximo filme do diretor.

A obra resgata a missão dada aos cerca de 60 mil soldados, em grande maioria nordestinos, que foram enviados à região amazônica durante a Segunda Guerra Mundial para extrair látex dos seringais e destiná-lo à indústria norte-americana de armamentos. A eles, foi prometido o retorno para casa no fim da guerra.

No entanto, em um contexto de más condições de trabalho e moradia, aliado a epidemias fatais, cerca de 30 mil homens morreram ainda no primeiro ano, e muitos outros não conseguiram voltar para casa, seja por falta de dinheiro para a passagem ou pelas grandes dívidas adquiridas com os donos dos seringais. Nos dias de hoje, os sobreviventes aguardam o reconhecimento como “heróis da pátria” e a aposentadoria equivalente a dos soldados que lutaram durante a guerra.

No dia 9 de dezembro, Wolney Oliveira exibirá o filme na Competitiva de Longas Documentários do 41º Festival Internacional do Novo Cinema Latino-americano de Havana. A produção é a única cearense que compete nesta categoria e foi selecionado entre mais de 700 documentários do continente. Dos 21 longas metragens latinos que competem na categoria, 6 são brasileiros.

“Soldados da Borracha” já havia conquistado em abril a sua Premier Mundial no “Festival É Tudo Verdade”, em São Paulo, e o prêmio de “Melhor Documentário da Associação Brasileira de Documentários de São Paulo – ABD SP.

Por Diário do Nordeste/Redação,15:52 / 05 de Dezembro de 2019

Santa Casa de Sobral promove Show de Talentos

Funcionários apresentaram paródias, poesias, dança e musical. Foto-Divulgação 

 

A Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS) promoveu na manhã de sábado (30/11) na Associação dos Empregados da Santa Casa (AESC), o Concurso Melhores Talentos, que teve como objetivo integrar seus funcionários por meio da arte, com os conceitos de Missão, Visão e Valores que formam a identidade do Hospital. Na ocasião, 14 funcionários apresentaram paródias, poesias, dança e musical.  

Luiz Gonzaga e Raul Seixas emprestaram famosas composições como Asa Branca e Tente Outra Vez para dar voz à missão, visão e valores do Hospital. Um rap autoral encheu o público de ritmo, e até um parto aconteceu no palco na apresentação de dança que demonstrava a Santa Casa como um grande útero e fonte de vida. Dom José Tupinambá da Frota também esteve presente, em companhia das primeiras Irmãs Filhas de Sant’Ana em uma peça musical que mesclava passado e futuro em constante desejo de fazer o bem.

O prêmio de R$ 1.500,00 garantido ao primeiro colocado foi conquistado pela equipe da Gestão de Leitos, que encantou com um musical que passava pela história da fundação do Hospital, o atendimento humanizado e o sentimento de pertencer a uma instituição que busca um atendimento de qualidade diariamente.

O segundo lugar, que garantia uma premiação de R$1.000, 00 foi conquistado pelo técnico de enfermagem do Bloco Cirúrgico Matheus Bruno Santos, que apresentou um número de dança contemporânea, abordando a Santa Casa como um grande útero de ensino e saúde com ênfase na arte do cuidar.

O terceiro lugar, que garantia a quantia de R$500,00 foi conquistado por Francisco Marcos Sousa Pinto, com o Rap Missão, Visão e Valores, de sua própria autoria.  

Com informações da Assessoria de Comunicação da SCMS

dezembro 2019
S T Q Q S S D
« nov    
 1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031