Archive for 11 de março de 2012

Embrapa tem projeto para incentivo à ovinocultura de corte

          

Embrapa e Prefeitura de Sobral debatem projeto para incentivo à ovinocultura de corte. Foto - Divulgação

O chefe-geral da Embrapa Caprinos e Ovinos, Evandro Holanda Júnior, e a secretária de Agricultura e Pecuária de Sobral, Luiza Barreto, apresentaram na quarta-feira (07) ao prefeito Clodoveu Arruda a versão preliminar de projeto para incentivar a ovinocultura de corte no
município. A proposta inicial, chamada “Cordeiro de Sobral”, pretende levar inovações tecnológicas a pequenos produtores locais e proporcionar melhores condições para que a carne ovina produzida em agricultura familiar se insira em novos mercados.

          Clodoveu Arruda afirmou que vê a proposta com “entusiasmo”, por conta da intenção de disseminar as atividades de ovinocultura e caprinocultura (também inserida no projeto) e da afinidade com questões atuais relacionadas ao desenvolvimento local, como a erradicação da miséria e a inclusão produtiva. “Este projeto deve ser prioritário em nossas ações para agricultura e pecuária”, afirmou ele.

            Segundo Evandro Holanda, a proposta ainda será debatida entre Embrapa e a Secretaria, para intensificar estratégias de inserção no mercado. Para isso, ações bem sucedidas como a construção dos centros de terminação de cordeiros do projeto Cordeiro do Cariri, da Embrapa, poderão servir de referência.

             A reunião contou também com a presença dos pesquisadores Selmo Fernandes e
Vinícius Guimarães (respectivamente chefe adjunto e supervisor de implementação da programação da área de Transferência de Tecnologia da Embrapa Caprinos e Ovinos), do técnico Pedro Pitombeira, da Secretaria de Agricultura e Pecuária de Sobral e do procurador geral do município de Sobral, José Menescal de Andrade Júnior.
 

 

Coelce e Santa Casa de Sobral firmam parceria para doações

 

Santa Casa de Misericórdia de Sobral. Foto - Arquivo

Os cearenses poderão fazer doações à Santa Casa de Misericórdia de Sobral por meio da conta de energia. A ação é viabilizada pelo programa Coelce Solidária, criado em 2001. A solenidade de assinatura do convênio entre a concessionária e a Instituição de saúde ocorreu no dia 9 de março.

        A Instituição, que tem de capacidade de atendimento de 411 leitos com 92% deles reservados para o Sistema Único de Saúde (SUS), é a mais nova contemplada pelo programa e passa a integrar uma lista de 24 instituições que também são beneficiadas pelo Coelce Solidária, como por exemplo, a Santa Casa de Misericórdia de Fortaleza e o Hospital do Câncer.

           O projeto Coelce Solidária tem como objetivo viabilizar doações para entidades beneficentes. Até agora, 24 instituições recebem esse apoio financeiro. Até 2010, R$ 11.576.020,22 foram repassados integralmente e, em 2011, as doações ao Coelce Solidária somaram R$ 13.126.204,99.

Coelce solidária

 O programa, que foi criado em 2001, prevê a arrecadação de recursos doados por clientes por meio da conta de energia e repasse para entidades.

Para doar, o cliente Coelce (titular da conta de energia) deve ir até a Santa Casa de Misericórdia de Sobral para autorizar o débito mensal em sua fatura no valor que quiser doar. Outra opção é ir até uma loja de atendimento da companhia de energia, escolher uma das instituições cadastradas, preencher o formulário com endereço, número do cliente e estipular uma quantia acima de R$ 1,00. Esse valor será incluído mensalmente na conta de energia e repassado integralmente à entidade beneficiada.

 

SESC realiza Semana de Artes Cênicas com 70 espetáculos

Os espetáculos serão apresentados em Fortaleza e em várias cidades do Ceará. Foto - Arquivo

De 22 de março a 1º  de abril, o SESC Ceará realiza a Semana SESC de Artes Cênicas no interior do estado. O projeto conta com uma programação diversificada que reúne espetáculos de teatro, contação de histórias, festival de esquetes, oficinas, mostra de vídeos e exposições artísticas. A programação também acontece em Fortaleza.

No período, grupos locais e nacionais apresentam mais de 70 espetáculos, voltados para o público adulto e infantil. No interior, as apresentações são realizadas no SESC Crato, SESC Juazeiro, SESC Iguatu, SESC Sobral e nas unidades do SESC LER. Já em Fortaleza, as apresentações acontecem no Teatro SESC SENAC Iracema, na Escola Educar SESC, no Teatro SESC Emiliano Queiroz, no SESC Fortaleza e no SESC Centro.

Catedral de Sobral será restaurada

             

Denominada de Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a Catedral será fechada logo após a Semana Santa para as obras. Foto - Lauriberto Braga/DN

A Catedral de Sobral será fechada logo depois da Semana Santa. A Igreja da Sé, criada em 30 de agosto de 1757, passará por ampla restauração. Batizada de Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, a Catedral preservará seu aspecto arquitetônico secular. O prazo para entrega da obra é em setembro deste ano. As intervenções no entorno do templo já começaram a ser feitas.

          A obra é uma parceria entre a Prefeitura de Sobral e o Ministério das Cidades. Trata-se de uma reforma paisagística da Praça da Sé, que conta com a execução de projetos da mesma empresa que reformou a Praça São João, a L. A. Empreendimentos e Serviço de Engenharia Ltda.
          O entorno terá removida a camada superficial de solo, colocação de terra nova, adubação e calagem, além do plantio de grama e espécies ornamentais. O custo da reforma do entorno é de R$ 1,14 milhão, onde será construída uma nova praça, numa área de mais de 3 mil metros quadrados, com piso em granito, 58 bancos de concreto com assentos também em granito, 24 postes de iluminação em aço carbono, 15 projetores de luz, além de novos jardins e gramados.
           No interior da Sé, o investimento é de R$ 700 mil. Serão restaurados os destaques arquitetônicos, que datam ainda do século XVIII. A primeira capela para a Matriz de Nossa Senhora da Conceição começou a ser construída em 1746, tendo por responsável padre Antônio de Carvalho e Albuquerque, por provisão de dom Frei Luis de Santa Teresa, bispo da cidade de Olinda (PE).

          Pelos levantamentos da Diocese de Sobral, não consta quando foram concluídos os serviços de construção, nem quando a igreja foi benta, que segundo o costume do tempo, tinha uma única porta na frente com duas pequenas janelas em cima, correspondentes ao coro, sem torres com o pavimento de barro batido e com única sacristia do lado do nascente.

          Conta a história que a Matriz em 1760 já ameaçava ruir. O visitador Veríssimo Rodrigues Rangel chamava a atenção dos fiéis para a iminente ruína do templo católico através de uma carta no dia 20 de agosto de 1760, na qual determinava que a igreja fosse rebocada por cal e areia por dentro e por fora, e do mesmo modo se pavimentasse toda com tijolo.

            Apesar de todas estas advertências e medidas tomadas para manter a segurança da obra, não se pode evitar a ruína prevista. Tanto que o padre João Ribeiro Pessoa, sucessor do padre Albuquerque, ao tomar posse em 1762, resolveu demolir a capela-mor para reconstruí-la com maior solidez, o que realizou pouco tempo depois, mas não no mesmo local.

           No dia 5 de novembro de 1778 foi benta e lançada a primeira pedra da nova Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição, da Vila de Sobral, pelo padre João Ribeiro Pessoa. A igreja devia ser edificada em forma de cruz latina. Confirma essa afirmação o fato de ser o teto da igreja, antes da reforma de 1876, dividido em quatro partes, como se realmente fosse destinado a cobrir uma área em forma de cruz.

           Somente no dia 1º de fevereiro de 1781 pôde ser benta a capela-mor da nova Matriz de Nossa Senhora da Conceição. As torres começaram a ser levantadas em 1836 e só ficaram terminadas em 1849 a do nascente, e em 1851, a do poente. O patamar foi feito em 1838. O relógio foi comprado em Paris em 1870 e colocado na torre do poente no ano seguinte. O sino grande foi refundido em Pernambuco em 1853. A Igreja da Sé possui um presépio ao lado do altar principal, com dimensões naturais, que foi encomendado de Paris no ano de 1912.

Primeiro centenário

            Aproveitando o ensejo das comemorações do primeiro centenário da elevação da Vila de Sobral à categoria de cidade (12 de janeiro de 1842), no dia 17 de maio de 1938, começaram os trabalhos de reforma da igreja, os quais só foram ser encerrados no dia 22 de maio de 1941.

           E é a restauração do que ficou em 1941 que começa agora a acontecer. A secular igreja está sendo contemplada pelo Instituto do Patrimônio Histórico (Iphan), com serviços que definem seus traços originais e a recuperação de todo acervo de suas naves e obras sacras.

 Fonte: Diário do Nordeste

março 2012
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031