Archive for 19 de março de 2012

Polícia Federal abre concurso para 600 vagas

              

São 100 vagas de papiloscopista e 500 de agente.Salário dos cargos é de R$ 7.514,33 . Foto - Divulgação

A Polícia Federal abriu concursos públicos para 100 vagas de papiloscopista e 500 de agente. Os dois cargos exigem nível superior em qualquer área. Tecnólogos também podem se inscrever. O salário dos cargos é de R$ 7.514,33 para jornada de trabalho de 40 horas semanais em regime de tempo integral e com dedicação exclusiva.

           Os concursos públicos abrangem preferencialmente os estados do Acre, Amapá, Amazonas, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Rondônia e Roraima e em unidades de fronteira. O candidato deve ter ainda carteira nacional de habilitação na categoria “B”, no mínimo.

        Segundo o edital, o agente de Polícia Federal deverá executar investigações e operações policiais na prevenção e na repressão a ilícitos penais, entre outras atividades de interesse do órgão. Já o papiloscopista deverá executar, orientar, supervisionar e fiscalizar os trabalhos papiloscópicos de coleta, análise, classificação, subclassificação, pesquisa, arquivamento e perícias, bem como assistir à autoridade policial e desenvolver estudos na área de papiloscopia, entre outras atividades.

As inscrições devem ser feitas das 10h de 16 de março até as 23h59 do dia 3 de abril, pelos sites http://www.cespe.unb.br/concursos/DPF_12__PAPILOSCOPISTA/ e http://www.cespe.unb.br/concursos/DPF_12_AGENTE/. A taxa é de R$ 125,00.

Outros concursos

A PF vai abrir este ano outros concursos para 150 vagas de delegado, 100 vagas de perito e 350 vagas de escrivão. Nesse caso a banca ainda não foi anunciada.

Ceará teve maior geração de emprego em fevereiro no N/NE

            

Na geração de empregos, destaque para a construção civil. Foto - Divulgação

O Ceará foi o estado do Norte e Nordeste que mais gerou vagas, em números absolutos, no mercado do trabalho no mês de fevereiro. Os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério do Trabalho, divulgados nesta sexta-feira (16). No total, foram gerados 3.667 empregos formais, o que representa 0,35% a mais em relação ao mês anterior. Os setores que apresentaram o maior número de contratação foi o de Serviços (3.022 postos) e da Construção Civil (1.926), cujos saldos superaram a queda na Agropecuária (-905 postos) e Indústria de Transformação (-641).

             De acordo com a Caged, esse resultado foi o terceiro melhor de toda a série histórica do órgão para o período, sendo superado pelo ocorrido em 2011 (+ 5.793 postos) em  2010 (+ 5.700 postos). Nos últimos 12 meses, o Ceará registrou um crescimento de 5,18% no nível de emprego, com a criação de 51.251 postos de trabalho.

           “O desempenho dos setores de serviços e construção civil puxou o desempenho da geração de empregos em fevereiro de 2012, resultado que foi amenizado pela agropecuária e a indústria. Este último setor vem sendo um dos mais atingidos na recente trajetória da economia nacional, o que diminuiu o ritmo de crescimento da geração de empregos em vários estados da federação, incluindo o Ceará. Mesmo diante da realidade, atingimos o melhor resultado do Norte/Nordeste na geração de empregos, com 3,6 mil empregos a mais,” afirma o presidente do IDT, De Assis Diniz. 

 Fonte: Coordenadoria de Imprensa do Governo do Estado

março 2012
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031