Archive for 10 de janeiro de 2014

UVA realiza outorga de grau para 405 formandos

Outorga de grau foi presidida pela reitora Palmira Soares. Fotos – Hudson Costa

A Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) realizou na noite de quinta-feira, 9 de janeiro, às 19h30min, outorga de grau aos formandos do semestre acadêmico 2013.2. A sessão solene foi presidida pela reitora, professora Maria Palmira Soares de Mesquita, na Quadra Poliesportiva do Centro de Ciências da Saúde (CCS), no campus Derby, em Sobral. O evento foi um momento de confraternização entre concludentes, pais, amigos, professores e convidados.

Solenidade na Quadra Poliesportiva do CCS.

A reitora fez a outorga de grau a 405 formandos dos Cursos de Administração, Ciências Biológicas, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Matemática, Direito, Física, Química, Educação Física, Filosofia, Geografia, História, Letras, Pedagogia, Engenharia Civil, Tecnologia da Construção em Edifícios e Zootecnia; e dos Cursos de Letras e Matemática (Primeira Licenciatura), do Plano Nacional de Formação de Professores da Educação Básica (PARFOR).

Outorga de grau para 405 formandos dos diversos cursos da UVA.

Para a reitora, professora Maria Palmira Soares de Mesquita, a colação de Grau é um momento privilegiado para os formandos, além da reflexão sobre gratidão aos pais e professores. Em seu pronunciamento, ela lembrou a todos do compromisso da Instituição pela excelência na educação superior de qualidade e fez votos de sucesso aos novos profissionais na busca pela entrada no mercado de trabalho: “Desejo que a carreira de vocês seja repleta de êxito”, enfatizou.

Momento do discurso da reitora Palmira Soares de Mesquita.Durante a solenidade, os formandos foram representados por Manoel Valdeci de Vasconcelos, do curso de Direito, que ressaltou a importância dos fundadores da UVA e ex-reitores. “Cantemos louvores por nossa vitória e que o sol ilumine nossos caminhos”, destacou.

 

Professor Gabriel Assis Araújo Vasconcelos, orador docente.

Para o professor Gabriel Assis Araújo Vasconcelos, representante do corpo docente, os formandos agora têm a responsabilidade de reproduzir a exclusão ou fortalecer a revolução. “Essa cerimônia é um marco na vida de vocês, é a consolidação da escolha das suas vidas pessoais”, ressaltou.

Manoel Valdeci de Vasconcelos, do curso de Direito, orador discente.

O juramento foi feito por Ivana Marques da Silva, do curso de Pedagogia, seguida por todos os colegas.  Na etapa seguinte, a reitora Maria Palmira Soares de Mesquita realizou a outorga de grau, simbolizada com a aposição da borla.

Solenidade

A mesa dos trabalhos teve a seguinte composição: reitora Maria Palmira Soares de Mesquita; vice-prefeito do município de Sobral, Carlos Hilton Soares;  diretor geral do Instituto Federal do Ceará (IFCE), professor Eliano Vieira Pessoa;  diretor executivo do Instituto de Desenvolvimento da UVA (IADE), professor Fabiano Cavalcante Carvalho;  pró-reitora de Ensino de Graduação, professora Márcia Morais Melo; pró-reitora de Planejamento, professora Fatima Lúcia Martins Dantas; pró-reitor de Assuntos Estudantis, professor José Cândido Fernandes; pró-reitor adjunto de Extensão, professor Francisco de Assis Guedes Barros e pró-reitora adjunta de Administração, professora Cefisa Quixadá. Também participaram da solenidade os padres João Batista Frota, Manfredo Thomás Ramos e Jairo Ribeiro.

Fonte: Assessoria de Comunicação e Marketing Institucional da UVA

Entidades articulam repúdio contra programas policiais

Cedeca denuncia casos ao Ministério Público Estadual. Foto - Divulgação

Uma caminhada seguida de ato público, programada para o próximo 15, a partir das 15h, da Praça Portugal à Praça da Imprensa e divulgação de uma nota pública de repúdio ao sensacionalismo e violência dos programas policiais foram algumas das deliberações dos representantes de diversas entidades e movimentos sociais que participaram de reunião na tarde dessa quinta-feira (9), no Centro de Defesa da Criança e do Adolescente (Cedeca), em Fortaleza.

O encontro foi marcado após a exibição de cenas do estupro de uma criança em matéria veiculada no último dia 7, no programa Cidade 190, da TV Cidade, afiliada da Rede Record, no Ceará. As imagens também foram divulgadas em sites e redes sociais na internet.

A assessoria de comunicação do Cedeca informa que as entidades também irão oficiar órgãos nas diversas instâncias – federal, estadual e municipal – ligados aos direitos humanos, aos direitos específicos de crianças e adolescentes bem como aqueles ligados às questões de comunicação. Na última quarta-feira, o Cedeca já havia denunciado o caso ao Ministério Público Estadual.

Da reunião no Cedeca participaram representantes do Ministério Público do Ceará, Defensoria Pública, Escritório Frei Tito, Coletivo Intervozes, Fórum Cearense de Mulheres, Pastorais Sociais, Conselho Regional de Psicologia, Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado do Ceará, Centro de Assessoria Jurídica Universitária (CAJU) da Faculdade de Direito da Universidade Federal do Ceará, Laboratório de Direitos Humanos, Cidadania e Ética (Labvida) da Universidade Estadual do Ceará e de outras entidades, além de representantes do Mandato Ecos da Cidade e do Mandato Cidade em Movimento.

Após a exibição das imagens o Ministério Público Federal do Ceará (MPF-CE) já havia solicitado cópia da matéria para análise pela Procuradoria Regional dos Direitos do Cidadão (PRDC). O vídeo que estava circulando pela internet tanto em redes sociais como no site da TV Cidade foi retirado do ar a pedido do procurador regional da República no Ceará, Francisco Macedo Filho.

Mais informações: Cedeca – (fone: 3252 4202)

janeiro 2014
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031