Archive for 4 de dezembro de 2015

Ceará recebe primeiro Mestrado fora de sede do ITA

Solenidade de lançamento do Mestrado no Palácio da Abolição. Foto - Divulgação

Solenidade de lançamento do Mestrado no Palácio da Abolição. Foto – Divulgação

Foi realizado nesta quinta-feira (3), no Palácio da Abolição, em Fortaleza, o lançamento do curso de Mestrado Profissional em Segurança de Aviação e Aeronavegabilidade Continuada (MP-Safety) do Instituto Tecnológico da Aeronáutica (ITA). A iniciativa será realizada pelo Governo do Estado em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC). Esse é o primeiro Mestrado Profissional do ITA fora de São José dos Campos (SP), sede do instituto.

O Mestrado Profissional é um curso de cerca de dois anos com enfoque tecnológico. Poderão participar profissionais com curso completo de ensino superior que atuem ou pretendam atuar no setor de aviação, almejando sistematizar e ampliar seus conhecimentos relacionados à segurança de aviação, à aeronavegabilidade continuada, tecnologia da informação e energia renováveis, em nível de mestrado profissional.

Inscrição

As inscrições para o mestrado serão realizadas até 22 de janeiro, mediante preenchimento de formulário disponibilizado na internet. Para a realização dos exames de seleção foram selecionadas três datas: 13 de dezembro de 2015, 9 de janeiro de 2016 e 24 de janeiro de 2016. O local dos exames será o prédio da Secretaria do Centro de Tecnologia, Bloco 710, no Campus da UFC no Bairro Pici.

O MP-Safety está dividido em três fases. A primeira, com oferta de disciplinas obrigatórias e optativas, será de 13 de fevereiro de 2016 a 27 de outubro de 2017. A segunda, referente ao estágio profissional em São José dos Campos (SP) , acontecerá entre os dias 6 e 10 de novembro de 2017.

A terceira e última, incluindo desenvolvimento, Exame de Qualificação e Exame de Defesa da Dissertação de Mestrado, está programada para o período de 13 de fevereiro de 2016 a 31 de janeiro de 2019. O curso terá como local o Centro de Tecnologia, Bloco 710, no Campus da UFC no Pici.

Fonte: G1 CE

Palestra sobre migração de emissoras de rádio e TV

Palestra na Assembleia Legislativa do Ceará. Foto - Bia Medeiros

Palestra na Assembleia Legislativa do Ceará. Foto – Bia Medeiros

O engenheiro eletrônico Gilson Moreira, responsável pelo sistema da TV Assembleia, rádio FM Assembleia e consultor técnico da Associação Cearense de Emissoras de Rádio e Televisão (Acert) explicou, em palestra proferida nesta sexta-feira (04/12) na Assembleia Legislativa, o processo de migração do rádio AM para a FM e da TV analógica para a digital.

Segundo ele, a partir da Portaria nº 6.467, assinada pelo ministro das Comunicações, André Figueiredo, e pela presidente Dilma Rousseff  “os donos das AMs terão a opção de passar para uma potencia maior que um kilowatt, transformando a emissora em regional. Ou poderão ainda passar de AM para FM que, embora com menor abrangência, oferece uma cobertura com melhor qualidade”, assinalou.  O engenheiro lembrou que, a migração já era uma reivindicação dos radiodifusores.

Gilson Moreira frisou ainda que a migração de AM para FM das rádios em Fortaleza só poderá ocorrer quando a TV analógica for desligada, já que as frequências dos canais vão passar para a faixa de frequência de FM estendida. Pelo cronograma do Ministério das Comunicações, a TV analógica será totalmente substituída pela digital até julho de 2017.

Atualmente, segundo o engenheiro, está sendo adotado o sistema de pareamento, com funcionamento da TV analógica e da digital para que os consumidores comecem a se adaptar. “As televisões modernas já convertem de analógica para digital. No caso dos televisores antigos, se a pessoa não quiser trocar, pode adquirir um conversor, que é de baixo custo e faz a mudança quando acoplado na televisão”, esclareceu Gilson Moreira.

A palestra foi promovida pela Coordenação de Comunicação Social da Assembleia Legislativa e pela Associação Cearense das Emissoras de Rádio e Televisão (Acert).

Estavam presentes na palestra além do coordenador de Comunicação Social da Assembleia Legislativa, jornalista Adriano Muniz, o diretor da Associação Cearense das Emissoras de Rádio e Televisão, Francisco Oliveira, o diretor da TV Assembleia Leonardo Borba e comunicadores que atuam nos setores de rádio e tevê.
GM/CG

 Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa
dezembro 2015
S T Q Q S S D
« nov   jan »
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031