Archive for março 2017

Ceará sem Drogas mobiliza mais de mil jovens em Sobral

Assembleia

Campanha é uma iniciativa da Assembleia Legislativa.Fotos- Divulgação

A 12ª edição da Campanha Ceará sem Drogas mobilizou cerca de mil e quinhentas pessoas em Sobral na tarde desta quinta-feira (30/03). O encontro foi realizado na Escola de Ensino Fundamental e Médio Professor Luís Felipe, no bairro Junco.

Casagrande

O palestrante Walter Casagrande

O presidente da Assembleia Legislativa, deputado Zezinho Albuquerque (PDT), idealizador da iniciativa, destacou a importância desses encontros para alertar, sobretudo, a juventude sobre os problemas decorrentes do uso de droga e estimular os municípios a instalarem seus conselhos municipais de políticas sobre drogas.

O parlamentar ressaltou o trabalho desenvolvido pela Assembleia Legislativa no que diz respeito à prevenção da violência na juventude, citando  as várias ações propostas no relatório do Comitê Cearense pela Prevenção de Homicídios na Adolescência.

Zezinho Albuquerque comentou ainda sobre o projeto de lei complementar, aprovado por unanimidade na Casa, que criou o Fundo Estadual de Políticas sobre Álcool e Drogas. “O objetivo do fundo é facilitar a captação e repasse à população de recursos destinados à execução das atividades da Política Estadual sobre Drogas”, explicou.

O prefeito de Sobral, Ivo Gomes, ressaltou a importância de tratar a questão das drogas como de saúde pública e comentou sobre a instalação, em abril, da Coordenadoria Municipal de Políticas Públicas sobre Drogas em Sobral. “O foco da minha gestão será ajudar a juventude de Sobral, conjuntamente com a própria Prefeitura e outras forças de governo, a resgatar o sentimento de esperança, de fé na vida e de fé no futuro”, frisou.

Palestra

Durante a palestra, o ex-jogador e comentarista esportivo Walter Casagrande comentou sobre a experiência dele como dependente químico. Segundo ele, o maior perigo da droga está na falsa sensação de prazer que ela passa. “Ninguém se vicia em algo ruim. As pessoas se viciam numa coisa que dá prazer a elas. Mas você sente um êxtase falso com a droga. A droga mente, o efeito dela é mentiroso, aquilo não existe”, alertou.

Para a estudante Naiane Cavalcante, 16 anos, a palestra serviu de exemplo para quem está passando por essa situação de dependência. “Tem gente que está com dificuldades para tratar do vício e, com um exemplo desses, com uma pessoa que já passou por isso e já é experiente, já é uma ajuda para gente”, avaliou.

Também participaram do evento os deputados estaduais Sérgio Aguiar (PDT) e Bruno Pedrosa (PP); o deputado federal Leônidas Cristino (PDT-CE); o presidente interino da Câmara Municipal de Sobral, vereador Carlos do Calixto; o secretário especial da Secretaria Especial de Politicas Publicas sobre Drogas, Marcelo Uchoa; o secretário da Saúde de Sobral, Gerardo Cristino; o presidente da OAB/Sobral, Rafael Ponte; o secretário de Cultura, Esporte, Lazer e Juventude de Sobral, Igor Bezerra; e o secretário de Segurança de Sobral, Erlânio Matoso, dentre outras autoridades. (BD/CG)

Fonte: Agência de Notícias da Assembleia Legislativa

12ª Bienal do Livro abre inscrições para visitas de estudantes

Escritor Valter Hugo Mãe é um dos convidados para a Bienal  (Foto: Divulgação)

Escritor Valter Hugo Mãe é um dos convidados para a Bienal.Foto- Divulgação

A 12ª Bienal Internacional do Livro do Ceará acontece de 14 a 23 de abril no Centro de Eventos do Ceará. As inscrições estão abertas para agendamento de escolas públicas e privadas para visitas de estudantes. Segundo os organizadores do evento, os interessados em participar devem acessar o site da Secult e clicar no link “Bienal do livro – agendamento de visitas”.

A Bienal Internacional do Livro é um dos principais momentos do calendário cultural do Ceará e do Brasil, com uma ampla programação, referência de qualidade quanto a livro, leitura, arte, cultura e pensamento, reunindo grandes escritores e outros artistas do Ceará, do Brasil e do Exterior.

As inscrições seguirão abertas até 10 de abril ou até serem preenchidas todas as vagas. O período de visitação dos grupos de estudantes e professores à bienal vai de 15 a 23 de abril, com dois horários pela manhã (9 e 10h) e quatro à tarde (13h, 14h, 15h e 16h). O período de permanência dos estudantes na bienal será de duas horas. cada grupo de 20 estudantes precisará estar acompanhado por um professor.

O perfil do público é infantil e juvenil, sendo oferecidas, na ampla programação da bienal, atrações como contação de histórias, conversa com o autor, espetáculos teatrais, shows musicais, “workshops”, “batalhas épicas”, oficinas de fanzine e muito mais.

Atenção ao prazo

A organização da bienal ressalta que o agendamento eletrônico, pelo site da Secult, é a única forma de programar visitas de grupos de estudantes de escolas públicas e privadas. O agendamento precisa ser feito dentro do prazo, até 10 de abril, não sendo aceitas solicitações posteriores, devido à necessidade de preparação da equipe da bienal para a devida recepção do público e para a organização das atividades a serem oferecidas a cada grupo.

Tema

Para a nova edição, a Secult harmoniza Cultura, Educação, Conhecimento, Economia e Cidadania no tema “Cada pessoa, um livro; o mundo, a biblioteca”, cujo conceito expressa a noção de acervo, seja ele individual ou coletivo, sincrônico ou diacrônico, material ou imaterial, oral ou escrito, xilografado, impresso ou digital.

O tema homenageia o acervo literário universal, a cultura e a identidade brasileira como patrimônio da humanidade e pauta toda a estrutura e funcionamento da Bienal, aguça o interesse pela pesquisa e leitura sobre o contexto nele inscrito e proporciona profunda discussão dos mais variados assuntos, buscando contemplar os interesses de um público diversificado.

A temática traz em si infinitas possibilidades: a diversidade de expressões, a multiplicidade de vozes; incontáveis itinerários narrativos a proporcionar conexões transculturais, encontros de mundos, diálogos no espaço presencial e no da blogosfera.

Fonte: G1 CE

Cinco açudes sangram no estado do Ceará

Açude

Açude Acaraú Mirim, no distrito Ipaguaçu, em Massapê. Foto- Ortuleide Frota

Entre as 7 horas de domingo (26) e as 7 horas de segunda-feira (27) choveu em 57 municípios cearenses, de acordo com a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme). Com as recentes precipitações, principalmente as do último fim de semana, chega a cinco o número de reservatórios que estão sangrando no Ceará.

Os açudes Acaraú Mirim, no município de Massapê, Caldeirões (Saboeiro), Valério (Altaneira), São Pedro Timbaúba  (Miaríma) e Maranguapinho (Maranguape) são as barragens que já ultrapassaram a capacidade máxima de reservação. Até o momento, todos os 153 açudes do Estado que são monitorados pela Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh) somam 10,2% do volume total.

De acordo com o presidente da Cogerh, João Lúcio Farias, as regiões Norte e Noroeste do Estado são as mais favorecidas pelas chuvas. “Já estamos atingindo os 780 milhões de aporte em todos os reservatórios. Temos tido uma recuperação significativa, principalmente, em açudes da Bacia Metropolitana, como o Pacajus e o Pacoti”, destaca.

Em relação à quadra chuvosa de 2016, que registrou armazenamento de, aproximadamente, 12% do volume total de armazenamento, a atual quantidade de água acumulada pelas chuvas intensas dos últimos dias ainda não ultrapassou os números do ano passado. “É necessário que a gente continue tendo esse aporte no fim deste mês e durante abril para que haja recuperação dos nossos reservatórios”, projeta o gestor.

Diante do cenário, ainda é preciso manter-se alerta. “É preciso que a gente continue com o uso racional da água. A economia, nesse momento, tem sido importante para todas as regiões, todas as bacias do estado do ceará. Essa colaboração da sociedade é importante para que a gente continue economizando água nos nossos reservatórios”, lembra João Lúcio.

Fonte:Portal do Governo do Ceará

Jucec e Sobral firmam convênio para implantar RedeSimples

Prefeito

Prefeito  de Sobral, Ivo Gomes, assina convênio em Fortaleza. Foto-Divulgaão

A Rede Nacional para a Simplificação do Registro e da Legalização de Empresas e Negócios, RedeSimples, será implantada em Sobral, conforme convênio de cooperação técnica firmado entre a Junta Comercial do Estado do Ceará e a prefeitura do município, assinado na tarde de hoje (27/03), na sede da Jucec. Com a implementação da Rede, o cidadão poderá abrir empresas de forma mais ágil e simples.

Para a presidente da Jucec, Carolina Monteiro, a implantação da RedeSimples em Sobral “é um dos primeiros passos para trabalharmos o processo de simplificação de empresas nos municípios do estado do Ceará. Sobral vai adquirir um sistema automatizado, que queremos que seja exemplo para os demais municípios cearenses, a fim de que com este trabalho de simplificação do processo de registro de empresas, os municípios possam se desenvolver economicamente”, ressaltou.

O prefeito de Sobral, Ivo Gomes, ressaltou a importância de aderir à Rede, pois “havia grande reclamação de empreendedores no que diz respeito a participação dos governos na desburocratização da abertura de empresas. A Junta Comercial do Ceará está com uma iniciativa importante que vai ter um impacto imenso no processo de abertura de empresas, principalmente em um cenário de crise econômica em que nós estamos. Sobral está aqui hoje aderindo a esta iniciativa da Junta Comercial para que juntos possamos melhorar o ambiente de negócios em Sobral”, destacou Ivo.

Com informações: Mariana Menezes/Jucec

 

Detran recolhe 3,3 mil animais no Ceará em dois meses

ONG francesa envia recursos para alimentar jumentos abandonados no Ceará (Foto: Eduardo Aparício/Arquivo Pessoal)

ONG francesa envia recursos para alimentar jumentos abandonados.Foto- Eduardo Aparício

Nos dois primeiros meses de 2017, o Departamento Estadual de Trânsito do Ceará (Detran-CE) recolheu 3.300 animais em vias públicas, 1.600, no mês de  em janeiro, e 1.700, em fevereiro. No ano passado 9.600 animais levados para a Fazenda Paula Rodrigues, em Santa Quitéria, que é de propriedade do Estado e administrada pelo Detran.

Para recolher os animais nas estradas, o Detran mantém 13 equipes, cada uma com um motorista e dois auxiliares ou laçadores com  caminhão, que percorrem 10 mil km por mês, conforme a extensão das rodovias estaduais pavimentadas. Cada rodovia estadual é percorrida pelo menos duas vezes por semana pelas equipes.

Após o período de tratamento, os animais ficam recuperados. O Detran, mediante solicitação formal, faz a doação de animais para instituições filantrópicas, cujo processo é publicado no Diário Oficial do Estado. Animais comestíveis são doados para alimentação de pacientes em hospitais filantrópicos ou casas que abrigam pessoas carentes.

Há currais nas 14 regionais do Detran, de onde os animais são recolhidos semanalmente para a Fazenda Paula Pessoa, onde atuam oito profissionais.

Quem encontrar animal solto nas rodovias estaduais pode acionar o Detran ou pelo 0800 275 6768, ou pelo 190, que  a Polícia aciona o Detran, ou pelo 3101.583460, do setor encarregado de apreensão de animais na sede do Detran.

Fonte: G1 CE

Padre João Frota completa 51 anos de ordenação sacerdotal

Padre João Batista Frota em evento na cidade de Sobral. Foto – Arquivo/Hudson Costa

Padre João  em evento na cidade de Sobral. Foto – Arquivo/Hudson Costa

Monsenhor João Batista Frota, ordenado em Roma, em 26 de março de 1966, está celebrando 51 anos de sacerdócio. Atualmente, Padre João, como é tratado por todos, vem desenvolvendo ações sociais de promoção humana e evangelização na Paróquia de São José, no Sumaré, em Sobral, residindo no próprio bairro. Em 2011, ele recebeu o Prêmio Nacional de Direitos Humanos.

Padre João com o cálice que recebeu em Roma, em 1966. Foto – Marcildo Brito

Padre João com o cálice que recebeu em Roma, em 1966. Foto – Marcildo Brito

O desejo de servir, a disponibilidade de querer colocar-se como irmão ao lado do povo, para guiá-lo em busca de valores eternos e imutáveis, o espírito de ajuda permanente, são princípios e ideais que marcam a vida do monsenhor João Batista Frota. É profundo conhecedor da alma humana e dos problemas sociais. Sua vida é um testemunho de humildade, fé e trabalho. Tem sempre uma palavra que conforta e um gesto que reanima a esperança.

Padre João Batista Frota com o bispo de Sobral, Dom Vasconcelos. Fotos – Arquivo

Padre João Batista Frota com o bispo de Sobral, Dom Vasconcelos. Fotos – Arquivo

Sua formação foi aprofundada no Seminário São José em Sobral, no Seminário Maior de Fortaleza e na Universidade Gregoriana de Roma. No curso de Ciências Sociais, em Paris, na França, sistematizou o conhecimento sobre o homem. Nos Kibutz de Israel trabalhou na agricultura, procurando encontrar uma nova maneira de ser padre.

Padre João, jovem, vigário da Paróquia de Massapê

Padre João, jovem, vigário da Paróquia de Massapê

O seu trabalho de irmão consagrado ao serviço dos demais, especialmente dos pobres e dos pequenos, vem contribuindo para a formação de uma comunidade de luta, com melhores condições de vida e fraternidade. Sua atividade pastoral nas paróquias de Santana do Acaraú, Massapê e em Sobral, na zona Norte do Ceará, tem sido marcada de ações que retratam um líder comprometido em construir entre os homens o projeto do Reino de Deus, fazendo da promoção humana a sua evangelização.

Livro Procurando as Pegadas de Jesus está na terceira edição

Livro Procurando as Pegadas de Jesus está na terceira edição

Em Massapê, no período de 1971 a 1989, Padre João construiu casas populares em mutirão, criou cooperativa de artesãos de palha e toda uma rede de solidariedade. Também teve atuação na sala de aula, transmitindo conhecimentos e virtudes, responsável maior pela formação de toda uma geração.

Em Sobral, tem continuidade o seu trabalho na construção da felicidade, da paz e justiça social. Um exemplo é o Projeto Cabra Nossa de Cada Dia, possibilitando o leite de cabra para crianças carentes em várias comunidades rurais. O projeto já teve reconhecimento nacional e serve de modelo de convivência com o semiárido nordestino. Em 2011, Padre João recebeu o Prêmio Direitos Humanos, na categoria “Enfrentamento à Pobreza”, concedido pela Presidência da República.

Escritor

O monsenhor João Batista Frota, Padre João, é autor de três livros: Marcos de Esperança (1995), Construindo o Amanhã (1997) e Procurando as Pegadas de Jesus (2009).

Na terceira edição em 2016, com o Selo das Edições UVA, Procurando as Pegadas de Jesus traz reflexões do Padre João sobre sua  vida a partir do ingresso no Seminário em Sobral até a temporada vivida na Terra Santa – Jordânia e Israel, enfatizando sua experiência existencial de busca profunda do ser absoluto, o filho de Deus.

Governo do Ceará faz outorga da Medalha da Abolição

Solenidade

Solenidade de entrega da principal honraria do Estado.Fotos -Divulgação

Neste sábado (25), data magna em que é lembrada a abolição da escravatura no Ceará, o governador Camilo Santana homenageou personalidades importantes que ajudaram a construir a história do Ceará e se destacaram de alguma forma no cenário nacional. Compareceram ao evento representantes dos Poderes Executivo, Legislativo (Estadual, Federal e municipal), Judiciário e Ministério Público, além de prefeitos e diversos líderes políticos e empresariais.

Ex-governador Ciro Ferreira Gomes foi um dos homenageados

Ex-governador Ciro Ferreira Gomes foi um dos homenageados

Seis personalidades receberam a principal honraria do Estado, a Medalha da Abolição: o ex-prefeito de Fortaleza e ex-governador do Ceará, Ciro Ferreira Gomes; o ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Napoleão Nunes Maia Filho; o empresário Carlos Francisco Ribeiro Jereissati; a professora Luiza de Teodoro Vieira; o médico psiquiatra Valton de Miranda Leitão e o criador da Fundação Casa Grande– Memorial do Homem Kariri, Francisco Alemberg de Souza Lima (Alemberg Quindins), pelos anos de 2016 e 2017. Eles receberam a honraria das mãos do governador Camilo Santana.

Medalha  da Abolição foi instituída em 1963

Medalha da Abolição foi instituída em 1963

“Temos hoje aqui seis grandes cearenses, que nasceram ou adotaram nosso estado como parte de suas vidas, e cujas trajetórias brilhantes, pessoais e profissionais, enchem a todos nós de muito orgulho. Somos gratos a cada um de vocês por tudo o que fizeram e continuam fazendo em prol do nosso estado. Eles são os grandes homenageados, dos anos de 2016 e 2017, com a Medalha da Abolição”, discursou o governador.

Comenda

A comenda, instituída em 1963, reconhece o trabalho relevante de brasileiros para o Estado do Ceará ou para o Brasil. A escolha é feita por uma comissão, instituída em um decreto. O chefe do Executivo cearense entregou pessoalmente a comenda a cada um dos homenageados.

Fonte: Portal do Governo do Estado do Ceará

Empresa Júnior do IVA promove palestras sobre graduação e mercado de trabalho

Rafael Matias(INOVE), Ana Carla Aragão e Diego Dias Gomes (Palestrantes), professora Paola Aragão

Rafael Matias(INOVE), Ana  Aragão e Diego Gomes (Palestrantes), professora Paola Aragão

A INOVE, Empresa Júnior dos cursos de Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais do Instituto de Estudos e Pesquisas do Vale do Acaraú (IVA), promoveu,na noite de 23 de março,mesa redonda para debater sobre a temática “Graduação e Mercado de Trabalho”. Também houve o lançamento do Processo Seletivo 2017.1, bem como a apresentação da Empresa Júnior e de projetos para este ano.

Evento ocorreu no auditório do Colégio Sant'Ana, em Sobral

Evento ocorreu no auditório do Colégio Sant’Ana, em Sobral

Para o evento, que ocorreu no auditório do Colégio Sant’Ana, às 19h, em Sobral, foram convidados os profissionais Diego Dias Gomes e Ana Carla Aragão, formados, respectivamente, nos cursos de Processos Gerenciais e Gestão de Recursos Humanos do IVA, que compartilharam as suas experiências, dificuldades e alegrias encontradas quando foram inseridos ao mercado de trabalho.

Empresa Júnior

Empresa Júnior dos cursos de Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais/IVA

A professora orientadora Paola Aragão e o diretor presidente da INOVE, estudante Rafael Matias, que conduziram o debate, tendo como base os depoimentos dos palestrantes, ressaltaram a iniciativa como uma oportunidade de consolidação de ideias e de novas experiências para os graduandos.

Para a professora Paola Aragão, a mesa redonda foi um momento de interação com pessoas que passaram pelo IVA e hoje exercem posição profissional de destaque. Enfatizou, dentre outras questões, a necessidade crescente de qualificação, graduação e oportunidades no mercado de trabalho cada dia mais competitivo.

Movimento Júnior

Na abertura do encontro, o diretor presidente da INOVE Consultoria Júnior, Rafael Matias e a diretora de Talentos, Grace Donato, falaram sobre a criação em 2014, com os cursos de Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais; a missão de trabalhar em equipe oferecendo excelência, compromisso e profissionalismo, integrando universitários ao mercado. Enfatizaram, em outra etapa, os atuais projetos e metas para 2017, com destaque para a expansão das atividades para municípios da área de abrangência do IVA.

Comunidade católica Shalom realiza curso para cura interior

Curso

Curso é dividido em oito semanas, com encontros às quartas-feiras.Foto-Divulgação

Buscar o autoconhecimento e a cura interior a fim de ordenar para o amor as experiências vividas. Esse é o objetivo do curso Fio de Ouro, oferecido para os homens que se encontram em processo de recuperação da dependência química na Fazenda da Esperança São Bento, localizada em Patriarca, distrito de Sobral (CE)

Dividido em oito semanas, com encontros às quartas-feiras, o curso é facilitado pela Comunidade Católica Shalom em Sobral e faz parte de um caminho de autoconhecimento e cura interior chamado ordo amoris, um programa de formação humana para maturidade na vida cristã, de forma a proporcionar que o homem retorne à sua vocação primeira, que é a santidade.

O curso Fio de Ouro é uma das atividades que objetiva fortalecer nos recuperandos da Fazenda da Esperança a espiritualidade para que, dia a dia, consigam por meio do Evangelho superar o vício das drogas. Meditando diariamente o Evangelho, são chamados a colocarem em prática a chamada “palavra de vida”, uma espécie de lema para bem viverem, a cada dia, sua luta contra a dependência.

Trabalho e convivência

Na sua luta contra as drogas, os acolhidos da Fazenda São Bento desenvolvem atividades como artesanato, horta, marcenaria e criação de animais. Atuam ainda na produção de biscoitos e pães, que acontece na Panificadora da Esperança, espaço construído graças a recursos da Receita Federal. Os itens produzidos pelos recuperandos da Fazenda estão disponíveis na lojinha da Fazenda da Esperança, no escritório localizado na Cúria Diocesana de Sobral (em frente à praça Quirino Rodrigues, no Centro de Sobral).

Atrelada à espiritualidade e ao trabalho, a convivência em família também se torna essencial para que os acolhidos aprendam uma nova forma de vida. Regularmente vivem momentos em que partilham sua vivência, além de diariamente participarem de atividades de esporte e lazer.

A comunidade terapêutica propõe um processo pedagógico de 12 meses de duração. Quem pretende enfrentar esse desafio dá o primeiro passo mediante uma carta escrita de próprio punho, manifestando os motivos da sua vontade de buscar vida nova.

Para ajudar

Para ajudar à Fazenda da Esperança São Bento, doações podem ser feitas para a conta corrente 3544-8 / agência 0554, da Caixa Econômica Federal. Maiores informações podem ser obtidas pelo fone (88) 3611-0054.

 Com informações da jornalista Zaíra Almeida

Floresta do Araripe recebe 10 mil bombas de sementes

Helicóptero lança sementes em áreas degradadas da Floresta do Araripe Foto- SAAEC/Divulgação

Helicóptero lança sementes em áreas degradadas.Foto- SAAEC/Divulgação

A Sociedade Anônima de Água e Esgoto do Crato (SAAEC) lançou, na quarta-feira (22), 10 mil bombas de sementes no sopé da Serra do Araripe, na região do Cariri. A iniciativa faz parte do Programa Hidroambiental, desenvolvido pela SAAEC, que visa reflorestar as áreas degradadas pelos recentes incêndios na Floresta do Araripe.

As bombas são feitas com argila, composto orgânico e sementes. A técnica é usada por empresas, ONGs e projetos de reflorestamento em várias partes do mundo.

Parte das bombas lançadas, por meio de um helicóptero, foram confeccionadas durante uma oficina que aconteceu na Praça da Sé, na abertura da Semana da Água e da Árvore, no último domingo (19).

e. Segundo o presidente da SAAEC, Yarley de Brito, o projeto irá agregar as ações relacionadas à recomposição do equilíbrio do ambiente o que, consequentemente, auxiliará na preservação da Floresta Nacional do Araripe e promoverá qualidade de vida.

Fonte: G1 CE

março 2017
S T Q Q S S D
« fev   abr »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031  
Tags