Archive for junho 2017

Léo Mackellene:Como gota de óleo na superfície da água

Carlos Haroldo Vasconcelos

Poeta, letrista, ativista cultural

Livro foi lançado na Bienal Internacional do Livro do Ceará, em abril deste ano. Fotos -Arquivo

Livro foi lançado na Bienal Internacional do Livro,em abril deste ano.Fotos -Arquivo

 O livro do Léo chegou às minhas mãos em um momento não exatamente favorável à leitura. Eu estava no meio das mil e duzentas páginas de O Homem Sem Qualidades, quando resolvi encaixar um livro sobre a boêmia de Paris nas primeiras décadas do século XX, para desopilar de Musil. No meio das duas leituras, soube da existência de um Clube de Leitura em Fortaleza que estava promovendo uma leitura coletiva de As Aventuras da Menina Má, de Vargas Llosa e iniciei esta outra leitura com prazo para concluir.

Escritor sobralense Léo Mackellene

Escritor sobralense Léo Mackellene

Foi com esta angústia de leitor com três leituras em aberto que encontrei com o Léo, a propósito, numa livraria, lugar, aliás, em que todo leitor experimenta delícia e a angústia de passar pelas prateleiras e acenar para todos os livros que sabe ser impossíveis de ser lidos nem em três ou quatro vidas.

Foi lá que recebi Como gota de óleo em superfície de água, a capa bonita, autografada cuidadosamente, no ato, com as mãos multi-artistas na cria.

Horas depois, em outro tempo e lugar, me vi com um indesperdiçável estoque de tempo livre e o livro que eu tinha nas mãos era justo o da capa inquieta, meio arte moderna meio taoísta e decidi ler o prefácio.

Só parei duzentas páginas depois, ao ser ejetado da minha posição de leitor, no amanhecer de um dia cheio de compromissos que se seguiu num hiato destes de que a vida moderna esta repleta, para só então pegar no exemplar e concluir num segundo e lancinante fôlego sua leitura vertiginosa.

Citei as leituras que vinha fazendo para dizer da primeira grande cracterística que salta do livro: é uma destas obras que destrava um leitor truncado. Atropela filas de livros por seu ritmo ágil, por sua cadência e sua musicalidade.

Não se engane o leitor de que é um livro fácil, raso. Tem os seus desafios como a miríade de personagens, a teogonia que – se revelará – antecede as sagas entrelaçadas dos protagonistas, personagens esses tratados com zooms de câmera literária, nunca periféricos ou menores, cada um com seu fascínio.

Também não é um desafio menor, mas que presenteará o leitor com uma experiência de fruição artística das mais prazerosas, atravessar silenciosamente as sutis transferências de papel narrativo entre os personagens, executado com muita felicidade pelo autor, que parece ter meramente se dado ao trabalho de ouvir cada persona, psicografando a própria ficção.

Não é, no entanto, um livro hermético, é uma obra pop, até. Talvez um romance de geração. Neste caso, um retrato contemporâneo de uma geração de pessoas excessivamente comuns, com suas cicatrizes, suas referências de cultura pop, sua densidade afetiva, mas, sobretudo sua juventude.

Um livro agradável e instigante, com doses acertadas de sexo, drogas e rock’n roll, mas sem concessões estéticas. Passa ao largo das fórmulas de oficinas e não cria artifícios de literatura de entrentenimento, mas também evita um distanciamento erudito bem a gosto dos personagens que citam de Rimbaud a Renato Russo e transitam bem entre a academia e as ruas.

 Cada leitor é um e traz suas próprias referências. E cada leitor, um susto. Eu me arrepei todo com trechos de narrativas e descrições das três principais cidades em que se passa a história – a quem o autor – a maneira de Italo Calvino, em As Cidades Invisíveis – atribui nomes que muito falam por si (Pracabá, Promessa e Medida do Bonfim).

Com o passar das páginas, o leitor vai sentindo introjetar a alma dessas cidades.

Outra inquietação é a entrada na história de personagens reais. Mais uma sutileza tênue que o romance traz com fina execução, que levará aos leitores, boa parte dos quais reconhecerão estas biografias, certamente, profunda emoção.

Neste sentido, personagens realistas encontram personagens reais e o romance se avizinha de uma inquietante realidade aumentada. Os leitores são levados a percorrer pontes e escadas sem corrimão entre a realidade e a ficção, com grande liberdade.

Com o amadurecimento dos personagens e dos acontecimentos, o que é uma história sobre amor e amores, reinvenção, destino e estrada, uma geração e suas influências, encontros, sobretudo encontros, amálgama, amplia-se. O livro, que vinha num mérito de emprestar uma profundidade filosófica a temas leves, cotidianos, quase banais, confronta os personagens narradores com realidades mais profundas e flerta com o existencialismo (à propósito, A Náusea, de Sartre, também é permeada por uma história bem comum de amor) e quando o faz, faz talvez no sentido contrário, o de emprestar leveza ao que é profundo.

Como gota de óleo na superfície da água é um título super feliz não só pela beleza da metáfora que encontrou o Léo. Mas talvez fale da forma também de como o romance conseguiu juntar uma pletora de sentimentos, de vozes, de rastros de histórias, de pistas sobre uma geração, num todo rico e harmônico, costurado com naturalidade.

A angústia de todo leitor é ser confrontado com grande oferta de livros e o sempre exíguo tempo que exige eleger prioridades. Pois Como Gota de Óleo na Superfície de Água entrega, em troca de cada minuto de leitura – e, em seu ritmo voraz– um grande prazer literário.

 Fonte: Jornal Correio da Semana 737,pag 4. Sobral(CE),24 de junho de c2017

Biblioteca particular de Rachel de Queiroz aberta à visitação

Acervo pessoal da escritora cearense estará disponível na Biblioteca da Unifor. No total, são mais de 3 mil itens, entre livros e periódicos (Foto: Ares Soares/Unifor)

Acervo pessoal da escritora na Biblioteca da Unifor.Fotos-Ares Soares/Unifor

Coleção Rachel de Queiroz, espaço que reúne grande parte do acervo bibliográfico da escritora cearense, já está aberto ao público, no 1º piso da Biblioteca Central da  Universidade de Fortaleza (Unifor). O valioso acervo é composto de aproximadamente 3.100 itens, sendo 2.800 livros e cerca de 300 periódicos, e foi doado à Unifor pelo Instituto Moreira salles (IMS), do Rio de Janeiro.

niciativa permite o acesso dos cearenses a um acervo de valor histórico inestimável e de grande relevância para a pesquisa e preservação da literatura brasileira (Foto: Ares Soares/Unifor)

Iniciativa permite o acesso dos cearenses a um acervo de valor histórico

A inauguração do espaço destinado ao acervo foi realizada em maio, durante solenidade informal que contou com a presença da reitora Fátima Veras, da coordenadora de Literatura do IMS, escritora Élvia Bezerra, da gerente da Biblioteca Central, Leonilha Lessa, do escritor e professor Batista de Lima e do biógrafo de Rachel de Queiroz, o escritor e advogado José Luís Lira, além de bibliotecários, funcionários e alunos da Unifor.

O acervo foi adquirido pelo IMS em 2006 e desde então ficou abrigado na sede do instituto, na Gávea, Rio de Janeiro. “A ideia da transferência desse acervo, de autoria da escritora Elvia Bezerra, foi prontamente acolhida pela Unifor e rapidamente formalizamos a doação”, afirma a reitora Fátima Veras, acrescentando que a iniciativa da Universidade e do IMS se reveste da maior importância na medida em que permite o acesso dos cearenses a um acervo de valor histórico inestimável e de grande relevância para a pesquisa e preservação da literatura brasileira.

Antes de homologar a doação, o IMS submeteu a decisão a Maria Luíza de Queiroz Salek, irmã da escritora. “Visitei-a em novembro de 2016, e ela concordou plenamente com o destino do acervo de Rachel”, declara Elvia Bezerra. Mesma posição teve o bibliófilo José Augusto Bezerra, presidente da Academia Cearense de Letras e dono de vasto acervo sobre Rachel de Queiroz. “Todos reconhecem que a Unifor tem condições não só de preservar mas também de difundir esse rico material de pesquisa”, salienta.

Serviço

Coleção Rachel de Queiroz
Local: Biblioteca Central da Unifor (1º Piso)
Horários de funcionamento: 8h30min às17h (segunda a sexta-feira) e de 8h às 13h (sábados)
Visitas de grupos: Sob agendamento
Informações e agendamentos: (85) 3477.3169

Confirmado o Festival Música da Ibiapaba para mês de julho

g

A formação é a marca maior do Festival que acontece em Viçosa do Ceará.Foto-Arquivo

O Festival Música da Ibiapaba (Mi), realização da Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), chega à 13ª edição cheio de novidades. O evento de formação musical, que ocorre em Viçosa do Ceará de 22 a 29 de julho, é um dos mais reconhecidos do calendário cultural do Estado e uma das /principais ações de interiorização da política cultural. Este ano, o “Mi”, como está sendo chamado, se aproxima das sonoridades contemporâneas, ganha nova identidade visual, um apelido, a curadoria de grandes nomes da música cearense e nacional, além de um patrono, o maestro cearense Alberto Nepomuceno.

Realizado pelo Governo do Estado do Ceará, por meio da Secult e do Instituto Dragão do Mar, em parceria com a Secretaria da Educação, o “Mi” traz nesta edição mais diversidade às ações formativas e à programação artística. O secretário da cultura, Fabiano dos Santos Piúba, comenta o novo momento do evento. “A identidade do festival é a formação. O Festival Música da Ibiapaba traz em sua gênese a formação. Essa identidade se mantém e se renova, mas estamos buscando novas dimensões, estabelecendo conexões do Festival com a música em suas vertentes erudita, popular e contemporânea e de como isso se traduz em sua programação”, diz.
Inscrições para as oficinas
 
Marca maior do festival, a formação tem seu ponto alto nas oficinas e workshops. Os curadores e outros profissionais da música, vindos de diversas partes do país, realizarão cerca de 30 oficinas e workshops durante os oito dias de “Mi”.
Com 400 vagas para alunos da rede pública de ensino e 200 destinadas ao público em geral, as inscrições gratuitas começam nesta terça-feira, dia 20, e seguem até o próximo dia 4 de julho. O processo deve ser feito pelo site da Secult ou presencialmente na sede da secretaria municipal de educação de Viçosa.
Serviço
Festival Música da Ibiapaba (Mi): 22 a 29 de julho em Viçosa do Ceará
Inscrições gratuitas: 20 de junho a 4 de julho pelo site da Secult (http://www.secult.ce.gov.br)

 

Sobral oferta 300 vagas de estágio para universitários

y

Os estudantes selecionados receberão bolsa de R$ 400. Foto- Arquivo/Web

A Prefeitura de Sobral, através da Secretaria da Educação (SEDUC), realizará seleção para o programa “Bolsa Universidade”, com a oferta de 300 vagas de estágio para estudantes de nível superior.

“Estamos honrando um compromisso da gestão, oferecendo apoio para que os estudantes universitários do município de Sobral possam concluir sua faculdade e, ao mesmo tempo, dando oportunidade de aprendizado com a aplicação dos conhecimentos teóricos na prática”, explica o secretário da Educação de Sobral, Herbert Lima.

Os estudantes interessados deverão realizada a inscrição online, de 20 a 26 de junho, no endereço:  http://seducsobral.blogspot.com.br

Os selecionados receberão bolsa de R$ 400 e farão estágio nas áreas de Engenharia Civil, Engenharia Elétrica, Engenharia da Computação, Economia, Jornalismo, Pedagogia, Letras, História, Matemática, Química, Física, Geografia, Ciências Biológicas, Educação Física, Ciências Sociais e Filosofia.

A seleção será realizada em duas etapas: análise de currículo e entrevista. No dia 04 de julho 2017, será divulgado o resultado da 1ª fase (análise de currículo), bem como dias e horários das entrevistas. O resultado final do processo será divulgado no dia 18 de julho de 2017.

– Leia o edital, clicando AQUI https://goo.gl/VMJVxr
– Faça sua inscrição, clicando AQUI https://goo.gl/gG8Gxb

Fonte: Blog de Sobral

IVA recebe inscrições para Vestibular 2017.2 até 25 de junho

Sede do IVA, em Sobral, na Rua Randal Pompeu. Foto -F.Edilson Silva

Sede do IVA, em Sobral, na Rua Randal Pompeu. Foto -F.Edilson Silva

O Instituto de Estudos e Pesquisas do Vale do Acaraú está com inscrições abertas, até o dia 25 de junho, para o Processo Seletivo 2017.2 para preenchimento de mil vagas em Administração, Ciências Contábeis, Educação Física, Pedagogia, Gestão de Recursos Humanos e Processos Gerenciais. São cursos da Universidade Estadual Vale do Acaraú (UVA) gerenciados pelo IVA.

Como diferencial neste Vestibular, está sendo ofertado gratuitamente o simulado online “Desenferruja”, com as provas dos últimos vestibulares, índices de acertos e erros por matéria e assunto, resultados instantâneos com dados estatísticos da sua evolução e nota de corte para o candidato estimar como está seu nível de conhecimento. Qualquer pessoa pode acessar: https://simulavest.com/desenferruja/view/

O vestibular IVA 2017.2 ocorrerá em Sobral e em mais 10 cidades: Acaraú, Bela Cruz, Camocim, Crateús, Guaraciaba do Norte, Itapajé, Itapipoca, Itarema, São Benedito e Tianguá. As provas de Português, Matemática e Redação serão aplicadas no dia 2 de julho, de 8h às 12h.  O resultado será divulgado no dia 10 de julho, nos locais de inscrição e através do endereço eletrônico http://www.ivaeduca.com.br. A matrícula será nos dias 17 e 18 de julho. A chamada dos classificáveis, se restarem vagas, será no dia 19 de julho.

Serviço

 Inscrições – Sede do IVA, em Sobral, Rua Randal Pompeu, 129, Centro, telefone: (88) 3677-8450; nas Unidades Descentralizadas e no site http://ivavocesuperior.com.br.

UFC anuncia concurso com oito vagas para professor efetivo

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC), em Fortaleza. Foto-Arquivo

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC), em Fortaleza. Foto-Arquivo

A Universidade Federal do Ceará informa que se encontram abertas, até 11 de julho, as inscrições para concurso público que ofertará oito vagas para professor do magistério superior. Com regime de trabalho de 40 horas semanais e dedicação exclusiva, sete dessas vagas são para o Campus da UFC em Fortaleza e uma para o de Russas.

Conforme o Edital nº 93/2017, as vagas para Fortaleza estão distribuídas da seguinte maneira, conforme os departamentos ou cursos a seguir: Estudos da Língua Inglesa, Suas Literaturas e Tradução; Engenharia Hidráulica e Ambiental; Farmácia; Morfologia (Medicina); Filosofia e Publicidade e Propaganda.

Para o Campus de Russas, a vaga é para o setor de estudo “Engenharia da Qualidade”, podendo candidatar-se candidato com formação em Engenharia de Produção, Engenharia Mecânica, Engenharia de Materiais ou Engenharia Civil. À exceção desta última vaga, cuja exigência é título de mestre, as demais, de Fortaleza, requerem título de doutor.

A inscrição deverá ser feita de forma presencial ou por procuração, na secretaria do departamento que oferece a vaga ou na secretaria do Instituto ou do campus do Interior, nos dias úteis, excluindo-se os sábados, do prazo indicado no edital, no horário das 9h às 12h e das 14h às 17h. Também serão aceitas inscrições pelos Correios, via Sedex, caso atendidas as exigências descritas no edital.

Mais informações sobre o concurso, como setores de estudo, prazos e documentos necessários, podem ser encontradas no edital, disponível no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas.

Fonte: Divisão de Concursos e Provimento da Progep – fone: 85 3366 7407 (Portal da UFC)

Mostra competitiva e shows no Festival da Serra da Meruoca

F

O evento reuniu um público de mais de 20 mil pessoas.Fotos- Alcides Mota

Com o anúncio dos os vencedores de sua Mostra Competitiva de Música, foi finalizada na madrugada de sábado, 17, para domingo, 18 de junho, a 12ª edição do Festival de Inverno da Serra da Meruoca, na Zona Norte do Ceará, marcando também o retorno do evento ao calendário cultural do Ceará e do Brasil.Confira os vencedores:1º lugar – Dá-me a Ti – Edu Asaf (Sobral-CE), 2º – Casa dos Viajantes – Zebeto Corrêa (Belo Horizonte – MG). 3º – Prece – Eudes Fraga (Pedra Branca – CE). música de aclamação popular – Forró do Luiz – Cumpade Barbosa, melhor intérprete: Lúcio Ricardo (Pedra Branca–CE).

M

Músico sobralense Edu Asaf venceu a Mostra competitiva do Festival

As músicas vencedoras foram agraciadas com troféus e premiações: 1.º lugar – R$ 8.000,00; 2.º lugar – R$ 5.000,00 ; 3.º lugar – R$ 3.000,00 ; Música de aclamação popular: R$ 1.500,00; Melhor intérprete: R$ 1.500,00 .

Show do cantor Raimundo Fagner, na noite de sábado, 17

Show do cantor Raimundo Fagner, na noite de sábado, 17

A comissão julgadora foi composta por: Alan Mendonça (produtor cultural, escritor, compositor e poeta), Nirton Venâncio (poeta, roteirista e cineasta), Arnóbio Santiago (produtor executivo do Festival), Haroldo Holanda (pesquisador, produtor e apresentador do programa O Som dos Festivais, da FM Assembleia), Carina Oliveira (vereadora de Meruoca) e Valdir Ferreira (crítico literário e musical da cidade de Sobral-CE).

g

Guilherme Arantes e Raimundo Fagner

Reunindo em seu encerramento, público de 20 mil pessoas, atesta-se assim, a importância e aceitação do evento, não apenas para a classe artística. Mantendo a tradição, o evento acontece no feriado de Corpus Christi, movimentando toda a região. Desde quinta-feira, 15 de junho, o festival apresentou sua tradicional mostra competitiva de música, reunindo grande público no Estádio Municipal para acompanhar e conhecer os trabalhos de músicos, compositores e intérpretes cearenses e de outros estados do Brasil.

trofeu

Troféu com homenagem ao cantor e compositor Belchior,recentemente falecido

Atrações

 Após a premiação, o palco recebeu o show do cantor Raimundo Fagner. A noite também reservou surpresa às 20 mil pessoas presentes. Juntos, Fagner e Guilherme Arantes dividiram o palco cantando músicas de seus repertórios e prestando homenagem também ao cantor Belchior.Em três dias de evento, os palcos do festival receberam além das apresentações dos concorrentes, shows de artistas nacionais – Byafra e Guilherme Arantes, de atrações cearenses, como, Dona Leda, Dona Zefinha, Lágrimas da PS, Trovador Eletrônico, Júnior e Banda, e grupo Última Hora.

Para a participação na mostra competitiva de música, a organização recebeu número record de 177 canções dos mais variados estilos, inscritas oriundas de diversos estados do Brasil – Rio Grande do Norte, Piauí, Paraíba, São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais, e também de 20 cidades cearenses, entre as quais, Meruoca, Sobral, Tianguá, Viçosa do Ceará, Ipu, Crato, Juazeiro do Norte, Barro, Ocara, Pacajus, Maracanaú, Aquiraz, entre outras.

O Festival foi uma iniciativa da Prefeitura de Meruoca e da Associação Cultural Solidariedade e Arte (SOLAR).

Com informações – https://www.facebook.com/festivaldameruoca

SSPDS e Prefeitura de Sobral firmam convênio para remunerar policiais militares por trabalho em hora extra

S

Secretário André Costa e o prefeito de Sobral, Ivo Gomes.Fotos-Divulgação

O secretário da Segurança Pública e Defesa Social, André Costa, o comandante geral da Polícia Militar do Ceará, Cel Ronaldo Viana, e o prefeito de Sobral, Ivo Gomes, assinaram nesta segunda-feira (19) um convênio que possibilita que policiais militares possam trabalhar durante suas folgas, graças à Indenização por Reforço ao Serviço Operacional (Irso). A verba para o pagamento da Irso será disponibilizada pelo Município de Sobral, que repassará ao Sistema de Segurança cerca de R$ 82 mil por mês para remunerar os PMs. Sobral é o primeiro município que firma convênio com a SSPDS com esse objetivo.

Reunião

Reunião na Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social,em Fortaleza

Para tal, a Câmara Municipal de Sobral aprovou, no último dia 13 de junho, a Lei 1.633/2017, que foi sancionada pelo prefeito Ivo Gomes, no último dia 14, e dispõe sobre autorização para firmar convênio entre o município de Sobral e o Estado do Ceará, visando o reforço operacional das atividades da Polícia Militar. O convênio assinado hoje segue agora para publicação no Diário Oficial do Estado (DOE). A previsão é que até o início do próximo mês de julho os policiais já possam ser empregados, principalmente em blitze com foco em apreensão de armas e drogas e com apoio da Guarda Municipal.

Para o secretário André Costa, a formalização da parceria entre o Sistema de Segurança e Sobral é muito importante, uma vez que a SSPDS recebe muitas demandas de municípios do interior trazidas por comissões de prefeitos e vereadores e sempre é colocada a necessidade das prefeituras colaborarem com a segurança pública. “Esse convênio é uma forma de estreitar essa parceria da Secretaria com as prefeituras nesse trabalho integrado e de colaboração com as guardas municipais. O prefeito Ivo Gomes está de parabéns por ser o primeiro que consegue aprovar uma lei junto à Câmara Municipal nesse sentido ”, ressaltou.

Colaboração

Já o prefeito de Sobral, Ivo Gomes, destacou o papel dos municípios em colaborar com as forças policiais, com o objetivo de prevenir o cometimento de crimes. “Estou fazendo isto, porque a principal preocupação do município de Sobral é a segurança. As prefeituras não podem atuar na repressão à criminalidade, pois isto é uma atribuição constitucional dos governos estadual e federal. Mas as prefeituras podem ajudar muito na prevenção e é o que fará a Prefeitura de Sobral, que atuará em regime de colaboração com as Forças de Segurança. Isso é uma disposição nossa em apoiar a Polícia Militar em desenvolver melhor o seu trabalho na cidade, até o momento em que recebermos os novos policiais, que estão em treinamento, e que devem chegar ao segundo semestre deste ano à cidade. Isso é uma ação que deveria ser, na medida do possível, adotada por todos os municípios do Ceará”, frisou.

 Segundo o comandante da Polícia Militar, Cel Ronaldo Viana, o início do emprego da Irso no interior é uma vitória para a Secretaria da Segurança Pública e Defesa Social, a partir da iniciativa do secretário André Costa, uma vez que a remuneração era restrita apenas aos policiais que atuam em Fortaleza. “Para concretizar isto, nós precisamos firmar um convênio junto às prefeituras. Com a necessidade de reforçar o policiamento e a operacionalidade nas ruas, aconteceu hoje a celebração desse convênio e esperamos que até o início de julho essa tropa possa ser empregada em horários diferentes, dando a sensação de segurança para a sociedade. Lembrando que essa tropa está fora do Policiamento Ostensivo Geral (POG) que é empregado diuturnamente na cidade de Sobral e região”, destacou o comandante.

Com informações da Coordenadoria de Comunicação da SSPDS

Inscrições para curso de Robótica Educacional em Sobral

Palácio de Ciências e Línguas Estrangeiras, Sobral-CE. Foto-Arquivo

Aulas acontecerão no Palácio das Ciências e Línguas Estrangeiras.Foto-Arquivo

Estão abertas até o dia 21 de julho as inscrições para o curso de formação em robótica educacional promovido pela Secretaria da Educação de Sobral em parceria com a Universidade Federal do Ceará (UFC). O curso é voltado para alunos e professores das escolas da rede pública de ensino.

Conforme a Secretaria de Educação de Sobral, o objetivo do curso é contribuir para o desenvolvimento da qualidade da educação e incentivar os professores e estudantes para o interesse pela ciência e tecnologia. A capacitação vai complementar a formação dos professores, ao realizar a integração do ensino de Matemática e Física.

As aulas serão realizadas um sábado por mês, das 8h às 12h, no Palácio das Ciências e Línguas Estrangeiras, no Centro de Sobral. Durante as aulas serão realizadas atividades em ambiente virtual de aprendizagem.

O resultado final da seleção será divulgado no dia 28 de julho. A validação da inscrição será feita através de participação na aula inaugural, no dia 19 de agosto.

As aulas seguem até o dia 25 de novembro e como culminância do curso será realizada uma competição de robótica no dia 9 de dezembro. Os certificados serão expedidos pela Seduc Sobral e pela UFC.

Fonte: G1 CE

Centro de Fortaleza ganhará o Largo Leonel Brizola

B

Papito Oliveira e André Figueiredo com a estátua de Brizola. Foto-Divulgação

Leonel Brizola, herdeiro político de Getúlio Vargas e fundador do Partido Democrático Trabalhista (PDT), será homenageado em Fortaleza. Uma estátua dele, em tamanho real, vai ser inaugurada no próximo dia 22, na Travessa Crato (Centro), pertinho do conhecido Raimundo dos Queijos. A Travessa ganhará o nome de Largo Leonel Brizola.

A homenagem é uma iniciativa de decreto legislativo do vereador pedetista Iraguassú Filho, já aprovada na Câmara Municipal, que aguarda apenas a publicação no Diário Oficial de Fortaleza.

O presidente estadual do PDT, deputado federal André Figueiredo, e o vice-presidente do partido em Fortaleza, Papito de Oliveira, conferiram o passo a passo de confecçãoda escultura.

Fonte: Blog do eliomar de lima

 

junho 2017
S T Q Q S S D
« maio   jul »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
2627282930