Archive for 28 de fevereiro de 2018

Prêmio BNB de Jornalismo prorroga inscrições

Inscrições prosseguem até o dia 23 de marco. Foto-Divulgação

O Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo em Desenvolvimento Regional prorrogou mais uma vez as inscrições das matérias que retratem iniciativas ou atividades produtivas economicamente viáveis, socialmente justas, ambientalmente corretas e que respeitem o princípio da diversidade cultural. O concurso contempla trabalhos jornalísticos profissionais e universitários publicados ou veiculados em território nacional. As inscrições seguem até o dia 23 de março. Ao todo, serão R$ 191 mil em prêmios divididos nas categorias nacional, regional, extrarregional e universitária.

Na edição 2018, o Grande Prêmio Nacional premiará trabalhos que abordem a temática “O papel das cidades médias para o desenvolvimento regional”, de forma a estimular o debate sobre a importância das cidades médias na economia nordestina. O recorte considerado é de cidades incluídas na área de atuação do Banco do Nordeste (Região Nordeste, norte de Minas Gerais e norte do Espírito Santo) com mais de 100 mil habitantes, à exceção de municípios localizados em Regiões Metropolitanas.

Os trabalhos que desejem concorrer ao Grande Prêmio Nacional devem assinalar a opção no formulário de inscrição. O trabalho identificado como concorrente a este prêmio e que obtiver melhor nota receberá R$ 38 mil. Na categoria nacional, ainda serão concedidas as seguintes premiações: Prêmio Nacional para Mídia Impressa; Prêmio Nacional para TV; Prêmio Nacional para Rádio; e Prêmio Nacional para Internet. Retirado o vencedor do Grande Prêmio Nacional, os trabalhos com as maiores notas em cada mídia receberão prêmios no valor de R$ 22 mil.

Os trabalhos não agraciados com prêmios nacionais concorrem, independentemente das mídias em que foram publicados ou veiculados, às categorias regionais I, II, III e extrarregional, com premiações no valor de R$ 15 mil:

Prêmio Regional I – para trabalhos oriundos de Bahia, Ceará, Pernambuco;

Prêmio Regional II – para trabalhos oriundos de Rio Grande do Norte, Paraíba, Maranhão e Minas Gerais (na área de atuação do Banco do Nordeste);

Prêmio Regional III – para trabalhos oriundos de Piauí, Alagoas, Sergipe e Espírito Santo (na área de atuação do Banco do Nordeste);

Prêmio Extrarregional – para trabalhos oriundos de fora da área de atuação do Banco do Nordeste, incluindo as capitais Belo Horizonte (MG) e Vitória (ES).

Os trabalhos jornalísticos inscritos por estudantes de Comunicação Social ou Jornalismo, oriundos de mídias-laboratório, concorrem exclusivamente ao Prêmio Universitário, que pagará ao vencedor R$ 5 mil.

As inscrições para a edição 2018 do Prêmio Banco do Nordeste de Jornalismo poderão ser realizadas pelos Correios ou via internet. O prazo de inscrição dos trabalhos foi prorrogada mais uma vez e será feita até 23 de março. Regulamento, formulário de inscrição e link para upload de materiais relativos às inscrições estarão disponíveis no endereço www.bnb.gov.br/web/premio-banco-do-nordeste-de-jornalismo/.

 

Show de rock nacional da banda Heredtárius em Sobral

Banda Heredtáruis se prepara para gravar seu segundo CD.Foto-Divulgação

Com experiência de 17 anos de estrada e repertório voltado ao rock nacional e internacional, a Banda Heredtárius é a atração de mais uma edição do Sesc Sonoridades em Sobral. A apresentação acontece no dia 1/3, a partir das 20h30, no Largo das Dores, com censura livre e entrada franca.

Seis integrantes compõe o projeto (Diego Simões – vocalista, Aulus Lucius – Guitarrista, Dudu – Azevedo Baixista, Gleydson Frota – Guitarrista, Vando Azevedo – Tecladista e Robson Martins – Baterista), que começou com o objetivo de resgatar a cultura do bom rock na cidade de Sobral. Em 2005 o primeiro CD foi lançado e intitulado de “DNA”, que contou com músicas inéditas com a pegada de rock. No mesmo ano foi chamada para gravar o quadro “Bandas de garagem” do Jornal Hoje da Rede Globo. Em 2011, gravaram o DVD “Heredtárius – 10 anos – De volta a estrada” em um show memorável filmado no Teatro São João na cidade de Sobral.

A Banda Heredtárius se prepara para gravar seu segundo CD com trabalho autoral intitulado “O mundo é meu lugar”, ainda neste ano, o que já gera uma expectativa pelo público que prestigiará seu show no Sesc Sonoridades. A banda também se prepara para, em breve, estar em plataformas digitais como Spotify, Deezer e Youtube.

Cooperação técnica entre CAF e Prefeitura beneficiará Sobral

Técnicos do CAF estiveram em Sobral de 20 a 22 de fevereiro.Foto-Divulgação

O Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) anunciou a aprovação de duas cooperações técnicas com a prefeitura de Sobral, num total de US$ 200 mil. Os recursos serão utilizados na realização de dois estudos estruturantes para a cidade.

O primeiro, o Programa MOBSOL, consiste em um estudo que visa o planejamento de ações de estímulo ao uso de modos de deslocamento não poluidores na cidade, sobretudo com a ampliação da malha cicloviária e da implantação de um sistema de compartilhamento de bicicletas.

O segundo, o Programa ECOSOL, consiste na realização de um estudo aprofundado com o objetivo de criar um novo modelo de gestão de resíduos sólidos, foco na cadeia de valor dos resídos sólidos e ênfase na reciclagem e na geração de renda a partir do potencial econômico existente. A intenção é promover a integração de novas infraestruturas, tecnologias, legislação e processos, com o objetivo de criar uma nova atitude da população e do governo quanto aos resíduos produzidos na cidade.

“As duas cooperações trabalham temas fundamentais para o desenvolvimento urbano efetivo, com a ideia de integração de políticas públicas para o aprimoramento da qualidade de vida”, avalia o diretor-representante do CAF no Brasil, Jaime Holguín. “Para nós, que conhecemos Sobral e suas práticas rumo a um desenvolvimento de alto nível, é uma honra começar esse relacionamento de parceria”, completa.

“O CAF tem sido um parceiro muito importante para que a prefeitura de Sobral consiga levar mais mobilidade e qualidade de vida aos sobralenses. O nosso objetivo é darmos um novo salto de crescimento no município, com investimentos em áreas prioritárias do nosso governo”, afirma o prefeito Ivo Gomes.

Os dois estudos devem ser concluídos em até seis meses após a contratação de especialistas nos temas propostos. A expectativa é que resultem em ações práticas voltadas para a população.

No caso do MOBSOL, será desenvolvido um setor específico na Prefeitura de Sobral voltado para o tema dos meios de transporte não poluentes, realização de oficinas e cursos de capacitação voltados ao planejamento de iniciativas, planejamento da expansão da malha cicloviária e de mobiliários urbanos.

No âmbito do ECOSOL, será ajustado o marco regulatório de resíduos sólidos, fomento a organização dos catadores em associações e cooperativas, instalação de uma rede de ecopontos, além do desenvolvimento de um aplicativo móvel para facilitar o descarte adequado e a coleta seletiva.

Sobre o CAF

O Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF) tem como missão impulsionar o desenvolvimento sustentável e a integração regional mediante o financiamento de projetos dos setores público e privado, a concessão de cooperações técnicas e outros serviços especializados. Constituído em 1970 e composto atualmente por 19 países – 17 da América Latina e Caribe, junto à Espanha e Portugal – e 13 bancos privados, é uma das principais fontes de financiamento multilateral e um importante gerador de conhecimento para a região. Mais informações em www.caf.com

Fonte: Blog de Sobral

fevereiro 2018
S T Q Q S S D
« jan   mar »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728