Solenidade marca entrega da Comenda Patativa do Assaré

Noite da cultura popular. Presente a vice-governadora Izolda Cela.Foto-Divulgação

Uma noite da cultura popular tradicional. O Governo do Estado do Ceará, por meio da Secretaria da Cultura (Secult), realizou, na noite desta terça-feira, 4/6, no Theatro José de Alencar (TJA), a cerimônia de entrega da Comenda Patativa do Assaré, condecoração dada a personalidades, artistas, poetas, cantadores, pesquisadores(as) que se destacaram por suas relevantes contribuições à Cultura Popular Tradicional. Receberam a comenda a folclorista Elzenir Colares – representada pelo presidente do Grupo de Tradições Cearenses Artur Rocha -, o repentista e poeta Pedro Bandeira – que encantou o público com sua poesia -, e o também poeta popular Geraldo Gonçalves (In Memoriam), representado por sua filha Polyana Gonçalves.

“Esta comenda que foi instituída honra o Patativa do Assaré. É mais uma maneira de termos sua presença, sua força e sua poesia entre nós. E ela honra também os que a recebem, responsáveis por darem significado à nossa identidade cearense”, destacou a vice-governadora Izolda Cela em sua fala durante a cerimônia.

O secretário da Cultura do Ceará, Fabiano Piúba, aproveitou para ressaltar o poeta que dá nome à Comenda. “Patativa foi um artista que não separava a vida da obra, a ética da estética. Obra e vida caminhando juntas. Um homem agricultor, ao tempo que lavrava as terra, lavrava também as palavras. Uma poesia que representa e traduz o sertão nordestino. Viva Patativa!”, frisou.

Estiveram também presentes na cerimônia o desembargador Durval Aires Filho; o secretário da Cultura de Fortaleza, Gilvan Paiva; e os netos de Patativa do Assaré, Isabel Gonçalves e Daniel Gonçalves. A noite contou ainda com a apresentação da dupla de cantadores Geraldo Amâncio e Guilherme Nobre, além dos cordelistas Otávio Menezes e Klévisson Viana e com o encerramento do Grupo de Tradições Cearenses. O evento contou também com a participação da Orquestra de Sopros de Pindoretama.

A cerimônia de entrega da Comenda Patativa do Assaré fez parte da programação de comemoração dos 109 anos do histórico Theatro José de Alencar.

Patativa do Assaré

Antônio Gonçalves da Silva, o Patativa do Assaré, nasceu no dia 05 de março de 1909, na Serra de Santana, no município de Assaré. Foi cantador, repentista, compositor e um dos maiores poetas populares do Brasil. Através de sua poesia, foi intérprete e porta-voz das tradições e valores do sertão e do povo excluído de seu tempo. Escreveu sobre amor, sobre o cotidiano e os dramas do sertanejo, sobre as dificuldades enfrentadas com a seca e sobre o desafio que as novas tecnologias representa às formas tradicionais de sociabilidade do sertão.Com a medida certa entre a emoção e a razão, nunca silenciou diante de censuras, nem mesmo durante o regime ditatorial. Colocou também sua poesia a serviço de lutas sociais.

Com informações do Portal do Governo do Ceará

Leave a Reply

junho 2019
S T Q Q S S D
« maio    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930