Archive for 26 de agosto de 2019

Pacarrete foi o grande vencedor do Festival de Gramado

Obra se inspira na história real da bailarina Maria Araújo Lima, conhecida por Pacarrete

“Um artista nunca deve deixar os palcos”, diz-se no trailer do longa cearense Pacarrete. Dirigido por Allan Deberton e protagonizado pela atriz paraibana Marcélia Cartaxo – reconhecida internacionalmente pelo papel de Macabéa na adaptação aos cinemas do romance A Hora da Estrela, de Clarice Lispector – o filme marcado pelo tema de resistência artística levou oito prêmios na noite do sábado, 24, na 47ª edição do Festival de Gramado. A obra se inspira na história real da bailarina clássica Maria Araújo Lima, conhecida por Pacarrete, considerada “louca” por muitos do município.

Em Gramado, a obra levou os troféus de Melhor Filme, Melhor Filme pelo júri popular, Melhor Atriz (Marcélia Cartaxo), Melhor Atriz Coadjuvante (Soia Lira), Melhor Ator Coadjuvante (João Miguel), Melhor Direção (Allan Deberton), Melhor Roteiro (Allan Deberton, Natália Maia, Samuel Brasileiro e André Araújo) e Melhor Desenho de Som. Na estreia, no dia 20, foi ovacionado pelo público. A expectativa de estreia comercial, segundo o diretor, é para o início de 2020, após passagem pelo circuito de festivais.

A próxima parada do longa é em casa, no Cine Ceará, onde haverá exibição especial no encerramento, na sexta, 6. “A expectativa é muito grande porque é a estreia com a equipe local, com muita gente de Russas. Há muita curiosidade de como vai ser recebido o filme e muita felicidade porque vamos estar com a equipe”, celebra Allan Deberton .

Com informações – O POVO/ Por João Gabriel Tréz /26.08.2019

Hemoce abre inscrições do concurso de frases e desenhos

Concurso tem como tema a importância da doação de sangue (Campanha Semana Santa 2018. Foto – Arquivo Hemoce)

O Centro de Hematologia e Hemoterapia do Ceará, Hemoce, da rede pública do Governo do Ceará, lança a XI edição do Concurso de Frases e Desenhos para estudantes da rede pública e privada do Ceará.  As inscrições para participar do concurso iniciam no dia 26 de agosto e seguem até o dia 9 de setembro e devem ser feitas pelas escolas interessadas.

O concurso é voltado para sensibilizar e estimular os estudantes do ensino fundamental I, II e médio sobre a importância da doação de sangue. Para participar, as escolas devem preencher o formulário de inscrição, disponível a partir do dia 26 de agosto no site do Hemoce: www.hemoce.ce.gov.br e enviar o mesmo para o e-mail: concursoescolashemoce@gmail.com as inscrições serão confirmadas através de resposta eletrônica. 

Concurso de Frases e Desenhos

Os alunos do ensino fundamental I e II participam do concurso através de desenhos que ilustram a doação de sangue e os alunos do ensino médio com as frases de incentivo ao gesto de solidariedade.  As criações devem ser pautadas em quatro temas: Solidariedade, Cidadania, Responsabilidade Social e Voluntariado.  As frases devem conter no máximo 15 palavras. Os trabalhos são selecionados por uma banca de colaboradores do Hemoce, que examina os materiais enviados sob anonimato. Depois de selecionados é que são divulgados os dados, tais como autor, escola e município. Serão escolhidos 12 (doze) frases e 12 (doze) desenhos sobre o tema “DOAÇÃO DE SANGUE” utilizados na publicação do calendário anual do Hemoce. Confira aqui o regulamento com os critérios para o concurso.

Desde 2007 o Hemoce trabalha anualmente o concurso entre os estudantes. A ideia partiu da necessidade de desenvolver ações de conscientização de cidadania e solidariedade entre jovens estudantes estimulando a formação de futuros doadores voluntários. No ano de 2016 o concurso inscreveu 516 escolas em todo o estado, esse número representa um aumento de 25% em comparação ao ano anterior. Entre desenhos e frases foram recebidos 5.813 trabalhos, um índice 10% maior do ano que ano de 2015. 

Capacitação para o Concurso

O Hemoce irá promover no dia 11 de setembro às 14h na sede do Hemoce, Av. José Bastos 3390, Rodolfo Teófilo, a capacitação sobre o concurso.  Cada escola participante deverá selecionar um representante.  No treinamento serão abordados palestras educativas, o regulamento e conceito do concurso, além da visita as dependências do Hemoce. Será mostrado como funciona as etapas da doação de sangue desde o cadastro do doador até o processo de distribuição das bolsas de sangue para as unidades de saúde. Cada hemocentro regional localizados nas cidades de Iguatu, Crato, Juazeiro do Norte, Quixadá e Sobral irá realizar a capacitação com as escolas referentes aos seus municípios. A data e horário serão divulgados em breve.

Mais informações: Setor de captação de doadores do Hemoce  – (85) 3101.2300 

Assessoria de Imprensa do Hemoce

Projeto cria o Novo Museu de História Natural do Ceará

Solenidade no foyer do Theatro José de Alencar, em Fortaleza.Foto-Divulgação

O Ceará ganhará um novo equipamento cultural: o Museu de História Natural do Ceará Professor Dias da Rocha. Na noite desta sexta-feira, 23/8, no foyer do Theatro José de Alencar, a Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), a Universidade Estadual do Ceará (UECE) e o Museu Nacional assinaram o Protocolo de Intenções que tem o propósito de promover a cooperação técnico-científica e cultural entre as instituições para a construção do novo projeto do Museu de História Natural, que envolve, entre seus objetivos, o restauro do acervo do professor naturalista Dias da Rocha, hoje sob a salvaguarda do Museu do Ceará. A assinatura foi prestiagada por acadêmicos e pesquisadores do Estado, e contou com a presença da secretária Executiva da Cultura do Ceará, Luisa Cela; do reitor da Uece, Jackson Sampaio; do diretor do Museu Nacional, Alexander Kellner; e do secretario da Ciência, Tecnologia e Educação Superior do Ceará, Inácio Arruda.

Sob gestão da Universidade Estadual do Ceará, o Museu será espaço de pesquisa e de exposições em diálogo com o Museu Nacional e terá sede no Campus Experimental de Educação Ambiental e Ecologia de Pacoti da Uece, na Serra de Baturité, em prédio cedido pela Fundação Educacional Deusmar Queiroz. A criação do Museu de História Natural do Ceará Prof. Dias da Rocha é uma iniciativa pioneira do Centro de Ciências da Saúde da Universidade, fruto da parceria com o Museu Nacional e apoio da FUNCAP.

O restauro do acervo do pesquisador Dias da Rocha, hoje sob a salvaguarda do Museu do Ceará, é o primeiro passo a ser dado pelo projeto. Com ele será formada a primeira exposição do Museu. “É muito simbólico firmar essa parceria com a Uece e o Museu Nacional. Comemoramos que o museu seja instalado em Pacoti. Isso está em sintonia com a política do governo e da secult em descentralizar a política pública para os municípios do inteior. O projeto também é um exemplo para o resto do País. Damos um passo para o desenvolvimento da ciência, da cultura, da memória, do patrimônio e da pesquisa no Estado. É tempo de comemorar e celebrar essa parceria”, destacou a secretária Executiva da Cultura do Ceará, Luisa Cela.

A construção de parcerias é bem vista pelo reitor da Uece, Jackson Sampaio. “Com essa parceria, Teremos um espelho lá no Rio de Janeiro do Museu de História Natural e aqui no Ceará teremos um espelho do Museu Nacional.Fiquei muito feliz.Temos um grande trabalho pela frente e possibilidade de construir etapas novas na academia cearense e brasileira”, comemorou.

O diretor do Museu Nacional, por sua vez, apresentou ao público como está sendo realizada a reconstrução do Museu Nacional e as ações do projeto #museunacionalvive, que propõe atividades de sensibilização da população acerca do patrimônio histórico e natural no Rio de Janeiro e em outras Cidades. “Um museu que não dialoga com a sociedade está fadado à destruição. As sociedades que não investe em seus espaços museaus está em parte instinta. Acho que o Museu Nacional deveria ter como apoiar vários museus de história natural no Brasil”, afirmou.

om informações do Portal da Secult-CE

26º Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga

Cortejo de Guaramiranga, cidade serrana do Ceará. Foto – Eunilo Rocha/Arquivo

O teatro nordestino é feito com muito talento, paixão, disposição e principalmente resistência, graças a pessoas com ofícios dedicados ao processo de ser e fazer arte. Com um espírito de celebração aos profissionais resistentes que formam essa cadeia produtiva e criativa, o Festival Nordestino de Teatro de Guaramiranga chega à 26ª edição, de 3 e 7 de setembro de 2019, na cidade serrana do Ceará. A abertura oficial será no dia 3, às 18h30, no Teatro Rachel de Queiroz, com apresentação do Grupo Arte Cultura e Memória, da Associação dos Amigos da Arte de Guaramiranga (AGUA), instituição realizadora do Festival.

O FNTG valoriza a produção teatral nordestina em toda a sua diversidade ao longo desses 26 anos de história. Foi assim que se estruturou e se tornou reconhecido. Nesta edição, dá continuidade aos diálogos estéticos e artísticos possibilitados pelo encontro das diversas linguagens artísticas, o que enfatiza a vocação do Festival para o hibridismo.

Com esse conceito foram selecionadas companhias de cinco estados para se apresentarem na Mostra Nordeste: Clowns de Shakespeare (RN) com “Abrazo”, dia 3 às 16h e às 19h30; Pequena Companhia de Teatro (MA), com a montagem “Ensaio sobre a memória”, dia 4, às 19h e 21h30; Grupo Bagaceira de Teatro (CE), com a espetáculo “O Sr. Ventilador”, dia 5, às 16h e 19h; Vilavox (BA), com o solo “Medeia Negra”, dia 6, às 19h e 21h30; e Grupo Magiluth (PE) com “Dinamarca”, dia 6 às 19h e dia 7 às 20h. Com exceção do Vilavox, que estará no Teatro Dona Zilda, e Magiluth, que se apresenta na Escola Prof. Júlio Holanda, os demais grupos da Mostra Nordeste vão estar no palco do Teatro Rachel de Queiroz.

Palco Ceará e Cena Plural

Além da Mostra Nordeste, o FNTG conta com duas importantes mostras exclusivas para as artes cênicas produzidas por grupos e coletivos cearenses, Palco Ceará e Cena Plural, que contribuem diretamente com o fortalecimento do fazer teatral do estado, valorizando as produções de artistas de vários municípios. Serão contemplados grupos de Fortaleza, Baturité, Redenção, Russas e Guaramiranga.

FNT para crianças

O público infantil tem um espaço cativo na programação do Festival. É o FNT para Crianças, que acontece diariamente na Praça da Prefeitura, mas começa com um Cortejo das Escolas pelas ruas da cidade, no dia 3, a partir das 14 horas. Em cena nesta edição o grupo Desequilibradoz apresenta “Caixinha de Surpresa”, “A Princesa e o Sapo”, “Uirapuru”, “Junto e Misturado”, “Arruaça – Circo a Céu Aberto”.

Música no FNT

A música também é tradição no Festival Nordestino de Teatro, aquecendo as noites com instrumentistas e cantores de Guaramiranga e artistas convidados, no Palco da Música, na Praça do Teatro Municipal ou no Odilon Bar. Começa com o show “Eu preciso cantar!” apresentado por compositores e intérpretes da cidade, dia 3, às 21 horas. Nas noites seguintes as atrações são: Glauber Nocrato e a Escola de Música de Guaramiranga com o show “Caetanear”, Banda Samba Delas, DJ Erivan Jr., Banda Nazirê, de Juazeiro do Norte, e as cantoras Lorena Nunes, Di Ferreira e Pepita York no show “Las Tropicanas”.

Página Principal

agosto 2019
S T Q Q S S D
« jul   set »
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031