Archive for novembro 2019

Sítios arqueológicos recebem nova estrutura de visitação

Sítios arqueológicos integram o roteiro ecoturístico da região leste de Sobral.Fotos-Divulgação
Arte rupestre nos sítios arqueológicos do Complexo Bilheira I e II

Foi entregue, no distrito de Taperuaba, em Sobral, na manhã de 28 de novembro, a nova estrutura de visitação implantada nos sítios arqueológicos de Bilheira I e II. Estiveram presentes o prefeito Ivo Gomes; a diretora do Departamento de Patrimônio Material e Fiscalização do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Ione Carvalho; e o superintendente do Iphan no Ceará, Otacílio Macedo. O evento integrou a programação da IV Semana do Patrimônio Cultural de Sobral.

Foi feito investimento de R$ 70 mil do Governo Federal, com a implantação de uma trilha de 1,5 quilômetro dotada de abrigos e placas de sinalização com informações sobre os painéis de pinturas rupestres. O complexo Bilheira I e II é composto por 12 sítios arqueológicos, que possuem como principais características da arte rupestre, a diversidade de temáticas representadas e de técnicas utilizadas para a sua elaboração, com painéis pintados, painéis gravados e alguns em que ambas as técnicas foram utilizadas.

Os locais integram o maior conjunto de arte rupestre já registrado no Estado do Ceará, designado Enclave Arqueológico da Zona Leste de Sobral, composto por Bilheira (12 sítios), Pedra do Sino (7 sítios) e Olinda (6 sítios). 

A região possui um expressivo conjunto de formações rochosas graníticas, representado por paredões não abrigados, grutas e cavernas, suportes que foram utilizados como telas sobre as quais foram representados o maior conjunto de arte rupestre do território cearense conhecido até o momento.

Os sítios arqueológicos de Bilheira integram o roteiro ecoturístico da região leste de Sobral (Aracatiaçu, Bilheira e Taperuaba), juntamente com as fontes Olhos D’água do Pajé, a Unidade de Conservação Municipal Refúgio de Vida Silvestre Pedra da Andorinha e o Santuário Diocesano de Nossa Senhora de Fátima.

O local está aberto para visitação gratuita, a partir do dia 29 de novembro. É necessário agendamento e acompanhamento de um guia especializado.

Agendamentos:
De terça-feira a domingo, das 8h às 15h
Outras informações: (88) 3613-1674/3611-2016 ou parquesejardins@sobral.ce.gov.br (Agência Municipal do Meio Ambiente – AMA)

Com informações do Portal da Prefeitura de Sobral

II Congresso dos Hospitais e Entidades Filantrópicas

Evento ocorreu no Centro de Convenções de Sobral. Fotos-Divulgação
Congresso reuniu profissionais da saúde, com destaque para a área de gestão hospitalar

Foi realizado em Sobral, nos dias 21 e 22 de novembro,o II Congresso Cearense dos Hospitais e Entidades Filantrópicas. O evento organizado pela Federação das Misericórdias e Entidades Filantrópicas do Ceará (Femice) aconteceu no Centro de Convenções e contou com a presença dos secretários de saúde estadual e municipal, presidentes de federações e profissionais da área de gestão hospitalar.

Pela primeira vez o município recebeu o evento, com apoio da Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS). De acordo com o presidente da Federação das Misericórdias e Entidades Filantrópicas do Ceará, Marcos Granemann, regionalizar a discussão sobre o impacto das políticas públicas na filantropia e seus reflexos é fundamental: “Realizar a segunda edição do nosso Congresso em Sobral não foi uma decisão aleatória. A Santa Casa de Misericórdia de Sobral está entre as 10 mais importantes do Brasil e é referência no atendimento em média e alta complexidade”, enfatizou o presidente.

Santa Casa de Sobral

Nos dois dias de Congresso, 70 profissionais da SCMS participaram de palestras dos mais variados temas de gestão em saúde. A palestra de abertura foi ministrada pelo secretário de saúde do Estado do Ceará, Carlos Roberto, que apresentou a Nova Política de Saúde do Estado, e também pelo secretário de saúde do município de Sobral, Gerardo Cristino, que explanou a situação da saúde na cidade. O Congresso também contou com palestras sobre Gestão de Pessoas, Assuntos Jurídicos e Aspectos Legais para Filantropia, Contabilidade, Qualidade e Segurança, Investimentos e Responsabilidade Civil na Saúde.

Durante o II Congresso Cearense dos Hospitais e Entidades Filantrópicas, a SCMS expôs em um stand os serviços oferecidos por seu Complexo à população da zona norte do Estado do Ceará. As histórias de fundação da própria Santa Casa, do Abrigo Sagrado Coração de Jesus, do Hospital do Coração, da Clínica Dom Odelir e do Hospital Dom Walfrido foram apresentadas por meio de uma exposição fotográfica. Os principais serviços e indicadores referentes aos meses de janeiro a setembro deste ano foram apresentados por meio de vídeos. Ainda foram expostos livros publicados com apoio do Departamento de Ensino, Pesquisa e Extensão (DEPE) do Hospital, e as formas de doações que beneficiam todo o Complexo.

Com informações da Assessoria de Comunicação da SCMS

Temperaturas no Ceará estão até três graus mais altas

Cuidados com hidratação e alimentação correta são imprescindíveis. (Foto: Fábio Lima/O POVO)

Apesar de dezembro e janeiro serem os meses mais quentes do ano no Estado, cearenses vêm sofrendo com o calor desde o outubro. Segundo o meteorologista Davi Ferran, da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), este novembro tem registrado temperaturas de dois a três graus Celsius acima do esperado. “Desde maio, as anomalias de temperatura se mostram mais quentes que o normal em pelo menos um grau”, destaca.

Ferran explica que embora as máximas registradas apresentem tal aumento, as mínimas permanecem dentro das normais climatológicas. “As causas são difíceis de precisar, alguns atribuiriam ao aquecimento global, mas não é possível definir”, afirma. Ele conta ainda que fatores como a diminuição da velocidade dos ventos e o aumento da umidade elevam a sensação térmica para além dos números dos termômetros. “Esses aspectos ainda devem se acentuar nos próximos dois meses”, alerta.

Máximas e mínimas

No Estado, de acordo com a Funceme, os municípios com maiores temperaturas nessa segunda-feira, 25, foram: Jaguaribe (38,5°C), Sobral (38° C), Crateús (37,6°C) e Morada Nova (37,4°C). Na Capital, o maior valor registrado foi de 34°C. Já a mínima foi de 26°C nesta terça-feira, 26. “Hoje, foi relativamente alta porque os ventos que prevaleceram foram aqueles vindos do mar em direção ao continente, os quais são mais quentes nesse momento do dia”, explica o meteorologista.

Em outubro, Fortaleza registrou temperatura máxima média de 31,9°C, conforme balanço do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet). O dado representa um desvio de 0,7°C acima da normal climatológica e corresponde a 5ª maior temperatura máxima média registrada em outubro dos últimos 19 anos.

Confira as dez temperaturas mais altas do País nas últimas 24 horas segundo o Inmet:

Pão de Açúcar (AL): 38,5°C; Jaguaribe (CE): 38,5°C; Caicó (RN): 38,4°C; Seridó (RN): 38,3°C; Floresta (PE): 38°C; Conceição do Araguaia (PA): 37,9°C; Porto Mourinho (MS): 37,9°C; Teresina (PI): 37,8°C; Sobral (CE): 37,8°C; Cruzeta (RN): 37,7°C.

Cuidados com a saúde

Enquanto os termômetros seguem em alta, o nosso organismo parece pedir socorro. O calor causa um maior relaxamento das artérias, que se dilatam em todas as áreas do corpo. Essa vasodilatação e pode gerar sensação de cansaço, fadiga, queda na pressão arterial e até desmaios.

A temperatura elevada também aumenta o metabolismo, que passa a produzir mais suor para se proteger. Essa proteção pode se tornar um problema se o líquido perdido não for reposto. Com menos líquido, o corpo perde seu equilíbrio, tem mais dificuldade para o sangue circular no rim e desidrata.

Nos postos de saúde, as doenças gastrointestinais levam as pessoas a formar filas em busca de atendimento. O calor facilita a decomposição dos alimentos e, consequentemente, a contaminação. Além disso, algumas viroses sazonais típicas desta época do ano também podem levar a quadros de desidratação. Náuseas, vômitos, dor de barriga e diarreia são os sintomas mais comuns.

Ingerir bastante líquido e ter cuidado redobrado com a higiene são formas de evitar as complicações. A alimentação é uma grande aliada: comidas leves como as frutas, verduras, legumes, folhas verdes são ricos em água, vitaminas e minerais, além de ajudarem a hidratar o corpo e facilitarem a digestão.

Dicas para evitar a desidratação e amenizar o calor

– Beber água é a chave para evitar a desidratação. O ideal é que ela esteja abaixo da temperatura ambiente, o que possibilita a troca de calor e refresca o corpo.

– Um banho gelado ou colocar uma toalha molhada no pescoço, pulsos e virilha também ajudam a refrescar. A lógica é a mesma da ingestão de água: se a temperatura estiver abaixo do registrado no ambiente, proporciona troca de calor.

– Se o calor causar mal estar, o melhor a fazer é procurar algum lugar para deitar. Permanecer na posição horizontal faz o sangue circular melhor e chegar mais facilmente ao cérebro, evitando o desmaio.

– Os alimentos amigos do organismo nesse período são água mineral, água de coco, chás e sucos de frutas sem açúcar. Frutas e vegetais serão boas escolhas. Por outro lado, evite alimentos processados industrializados, queijos e carnes gordos, embutidos (linguiça, salsicha, mortadela e salame) e bebidas alcoólicas, eles são mais difíceis de digerir, trazem menos benefícios nutricionais e podem até contribuir para a desidratação.

– Protetor solar, roupas leves de mangas compridas, chapéus ou bonés e guarda-chuvas são bons companheiros para se proteger do sol.

Por MARCELA TOSI/ ESPECIAL PARA O POVO11:00 | 26/11/2019

Seleção para Mestrado em Ciências Físicas Aplicadas

Campus Itapery, da Universidade Estadual do Ceará (Uece). Foto-Arquivo

Estão abertas as inscrições para seleção do Mestrado Acadêmico em Ciências Físicas Aplicadas (CMACFA) da Universidade Estadual do Ceará (Uece).
O curso, que tem como área de concentração “Ciências Físicas Aplicadas ao Desenvolvimento do Semiárido”, oferece duas linhas de pesquisa: “Física da Atmosfera” (14 vagas) e “Energias e Meio Ambiente” (6 vagas).

O CMACFA tem como público alvo graduados em Física, Química, Engenharias, Meteorologia ou em cursos de áreas afins. Os interessados devem procurar, até 20 de dezembro, a secretaria do curso, na Torre Meteorológica da Uece, no campus Itaperi.

Clique aqui para ler o Edital

Mais informações: www.uece.br/macfa/ ou (85) 3101.9904

Semace poderá ter concurso com até 290 vagas em 2020

Informação confirmada pelo governador Camilo Santana. Aainda não há previsão de prazos Foto-Divulgação

A Superintendência Estadual do Meio Ambiente (Semace) poderá ganhar um concurso com até 290 vagas no próximo ano. A informação foi confirmada pelo governador Camilo Santana, que disse que o certame viria para atender uma demanda antiga do órgão ambiental. 

De acordo com o superintendente da Semace, Carlos Alberto Mendes, o concurso poderá gerar até 290 vagas, sendo 250 para o batalhão de polícia ambiental, e 40 para cargos internos do órgão. Mendes disse que o batalhão da polícia ambiental será integrado à Semace. No entanto, o concurso ainda precisa ser aprovado na Assembleia Legislativa. 

“Estamos fazendo uma minuta de lei e vamos submeter isso para a casa civil e depois para a Assembleia e vamos colocar dentro do sistema o batalhão da polícia ambiental. Serão mais 250 homens para atuar como fiscais podendo gerar auto de infração. E também teremos 40 vagas autorizadas para concurso dentro da Semace”, disse Mendes. 

O superintendente da Semace ainda disse que o órgão deverá passar por uma reestruturação interna para melhorar a progressão profissional dos funcionários e evoluir a qualidade de trabalho. Ele, no entanto, não deu muitos detalhes sobre o processo. 

“Teremos uma reestruturação dos cargos da Semace. Hoje ela divida entre gestores e fiscais e aí você engessou a carreira dos funcionários, então estamos unificando alguns cargos para reestruturar”, disse Mendes. 

Por Diário do Nordeste/Redação, 15:06 / 25 de Novembro de 2019

Museu de Arte da UFC abre a exposição “Reinvenções”

Exposição ficará em cartaz no MAUC até 20 de dezembro, com visitação gratuita.Foto-Divulgação

O Museu de Arte da Universidade Federal do Ceará (MAUC) recebe na próxima segunda-feira (25), a partir das 19h, a exposição Reinvenções, do artista plástico, desenhista, pintor e escultor cearense Sílvio Rabelo. O artista é reconhecido por trabalhos que utilizam a técnica da marchetaria (arte que consiste no encaixe de materiais diversos como madeira e metais para ornamentar superfícies planas). Reinvenções ficará em cartaz no MAUC até 20 de dezembro, com visitação gratuita e aberta ao público.

Com predomínio do uso da marchetaria, Rabelo experimenta em suas obras essa técnica com pinturas e esculturas. No texto de apresentação assinado pelo artista plástico e músico Descartes Gadelha, doutor honoris causa da UFC, a exposição Reinvenções é descrita como “novas possibilidades de ver e olhar o objeto artístico ao fundir a marchetaria com a expressão plástica da pintura, resultando numa reinvenção dessas duas técnicas numa só dimensão”.

SOBRE O ARTISTA

Sílvio Rabelo nasceu em Fortaleza (CE), em 1959. Autodidata, desde os 20 anos de idade realiza suas práticas como entalhador e escultor. Recusou o academicismo, porém aprofundou-se no fazer de pequenos pedaços que pareciam não servir mais em obras de arte em uma única linguagem. As obras de Rabelo compõem acervos no Brasil e no exterior, e recentemente o artista foi um dos participantes da mostra que percorreu o País em homenagem a Luiz Gonzaga.

O Museu de Arte da UFC está situado em Fortaleza, na Av. da Universidade, 2854, Benfica, e funciona de segunda a sexta-feira, das 8h às 12h e das 13h às 17h. Em sábados previamente agendados, o museu abre para visitação com programação especial.

Mais informações sobre as atividades culturais do MAUC podem ser encontradas no site e nos perfis do museu no Instagram e no Facebook.

Fonte: Portal da UFC/Museu de Arte da UFC – fones: (85) 3366 7481 e 3366 7480

Secult tem três editais com mais de R$ 16 milhões no Ceará

São editais de Incentivo às Artes, de Cinema e Vídeo e Ciclo Carnavalesco.Foto – Divulgação

A Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult) destaca que estão abertas as inscrições de três grandes editais, para apoio a projetos em todo o território cearense. São mais de R$16 milhões recursos destinados ao fomento da arte e à democratização do acesso à cultura. As inscrições são on-line e gratuitas, basta acessar o site de editais da Secult: http://editais.cultura.ce.gov.br/. Confira a seguir mais detalhes sobre os editais.

XII Edital Incentivo às Artes contempla 10 linguagens artísticas. São 293 projetos apoiados e mais de R$ 7 milhões em investimentos. O novo edital promove incentivo financeiro a projetos de artes visuais, circo, dança, fotografia, humor, literatura, música, teatro, além de contar com o prêmio Alberto Nepomuceno de composição musical e o prêmio Pedro Boca Rica de Teatro de Bonecos. As inscrições foram abertas no dia 11 de novembro e seguem até o dia 6 de dezembro deste ano. O edital celebra, em 2019, as obras do artista visual Estrigas que completaria 100 anos. Uma homenagem da Secult a vida e o legado desse importante pintor. O Edital foi reajustado em 19% em relação à última edição. Entre as novidades, o lançamento do prêmio Pedro Boca Rica de Teatro de Bonecos – isso significa a inserção do Teatro de Bonecos como um edital específico.

Saiba mais: http://editais.cultura.ce.gov.br/2019/09/11/xii-edital-ceara-de-incentivo-as-artes/

Já o XIV Edital Ceará Cinema e Vídeo está com inscrições abertas até o dia 17 de dezembro deste ano. Apoiando projetos nas categorias de Produção, Difusão, Formação em Audiovisual e Desenvolvimento de Projeto Audiovisual, o edital faz parte do Programa Estadual do Audiovisual – Ceará Filmes e conta com o montante de recursos de R$8,2 milhões. Sua 14ª edição se constitui com uma ação de continuidade de uma linha de financiamento de filmes (ficção, animação e documentário, curtas e longas-metragens), dentre outros serviços que dinamizam a cadeia produtiva do audiovisual no âmbito do Estado e envolvem artistas, diretores, roteiristas, produtores, técnicos e demais profissionais de diversas áreas do setor cultural local.

Saiba mais: http://editais.cultura.ce.gov.br/2019/10/16/xiv-edital-ceara-cinema-e-video/

Por fim, o XIV Edital Ceará Ciclo Carnavalesco 2020, da  Secretaria da Cultura do Estado do Ceará (Secult), está com inscrições abertas de 19/11 a 3/12/2019. Apoiando projetos de todo o Ceará nas categorias Bailes e Matinês, Bandas de Música, Maracatu, Escolas de Samba, Blocos, Cordões, Afoxé e Formação, Monitoramento e Seminário de Avaliação do Ciclo Carnavalesco do Ceará, o edital conta com recursos de R$1,2 milhão. Neste ano, integrando a política de Patrimônio e Memória da Secult, o Edital homenageia o Maracatu Az de Ouro, fundado em 1936 por Raimundo Feitosa (Raimundo Boca Aberta) e seus irmãos: Zé Neguinho e Alcides(em memória).

Saiba mais: http://editais.cultura.ce.gov.br/2019/10/16/xiv-edital-ceara-ciclo-carnavalesco-2020/

Com informações do Portal da Secult CE

Hospital de Sobral realiza procedimento inédito no interior

O novo procedimento trará benefícios para pacientes de alto risco. Foto – Divulgação,

O Hospital do Coração, unidade de saúde do Complexo Santa Casa de Misericórdia de Sobral (SCMS), realizou nesta quinta-feira (21/11), um procedimento cardíaco inédito no interior do Ceará. Trata-se de um implante por Cateter de Bioprótese Aórtica – conhecido por TAVI (Transcatheter Aortic Valve Implantation). O objetivo desta técnica é beneficiar os pacientes de elevado risco cirúrgico a terem uma recuperação mais rápida e efetiva, em relação a cirurgia convencional, com um procedimento minimamente invasivo.

O procedimento permite a correção de uma redução no diâmetro da válvula aórtica e é destinada aos pacientes idosos com elevado risco cirúrgico, por ser menos invasiva e se associar a menor morbidade em comparação à cirurgia cardíaca. Antes do procedimento, os médicos convidados realizaram uma explanação sobre o procedimento e sobre o caso da paciente.


Neste primeiro procedimento, a paciente era uma idosa de 77 anos, natural do município de Cruz, no interior do Ceará. Participaram da cirurgia, o diretor técnico do Hospital do Coração, Dr. David Carneiro Neto; os hemodinamicistas convidados, Dr. Breno Falcão e Dr. José Maria; além de um anestesista, enfermeiros e técnicos.

Estamos trazendo tecnologia e o que há de mais atual no mundo no tratamento das doenças cardíacas. É importante frisarmos que em breve estaremos realizando este tipo de procedimento pelo Sistema Único de Saúde, trazendo assim um grande benefício para os pacientes de alto risco, intermediário e até aqueles considerados inoperáveis da nossa Região”, explicou o diretor técnico do Hospital do Coração, Dr. David Carneiro Neto. 

Com informações da Assessoria de Comunicação da SCMS

Assinadas ordens de serviço de R$ 42 milhões em Sobral

As ordens de serviço priorizam o esgotamento sanitário em seis bairros. Fotos – Divulgação
A assinatura aconteceu durante uma coletiva de imprensa
Prefeito Ivo Gomes disse que as obras terão início já neste mês de dezembro

O prefeito Ivo Gomes assinou, nesta quinta-feira (21/11), as ordens de serviço para início das obras de esgotamento sanitário em seis bairros do município: Alto da Brasília, Alto da Expectativa, Cohab II, Dom Expedito, Parque Silvana e Campo dos Velhos. As obras, terão início já neste mês de dezembro e irão beneficiar mais de 30 mil habitantes. O investimento é superior a R$ 35 milhões de reais, com recursos do Programa de Desenvolvimento Socioambiental de Sobral (Prodesol).

A assinatura aconteceu durante uma coletiva de imprensa, na Prefeitura de Sobral, onde o prefeito Ivo Gomes aproveitou para falar sobre o programa. “Logo que tomamos posse, começamos a desenhar o Prodesol, e no primeiro ano da gestão elaboramos projetos, a carta convite e começamos a burocracia interna com o Governo Federal. Todo empréstimo internacional tem o aval da União”, explicou.

O Prodesol é fruto do contrato de empréstimo de 50 milhões de dólares do Banco de Desenvolvimento da América Latina (CAF). Por meio do programa já foram construídos o Centro de Saúde do Caiçara e a Areninha do Parque Pajeú. Várias outras obras estão em andamento, como é o caso da adutora da Serra do Rosário.

As ordens de serviço assinadas hoje contemplam a rede coletora de esgoto, com 50.893,09m, a construção de quatro Estações Elevatórias de Esgoto (EEEs) e a realização de 5.488 ligações intradomiciliares (nas casas de famílias com baixa renda) e 7.299 ligações prediais. Posteriormente, serão construídas cinco Estações de Tratamento de Esgoto (ETE), nos bairros Sumaré, Vila União, Dom José, Cohab I e Cohab II.

Além do pacote de obras de saneamento, foram assinadas também contratos com duas empresas: uma que ficará responsável pela supervisão técnica e socioambiental das obras e outra que irá contribuir com a revisão do Plano Diretor Municipal, que é um mecanismo que visa orientar a ocupação do solo urbano, tomando por base interesses coletivos e difusos, como a preservação da natureza, da memória e outros interesses particulares de seus moradores. Ao todo, o investimento apresentado nesta quinta-feira supera os R$ 42 milhões de reais.

Com informações do Portal da Prefeitura de Sobral

TCE realiza em Sobral projeto-piloto que analisa asfalto

O projeto do TCE realizou testes nas avenidas de Sobral. Foto: Divulgação

O Tribunal de Contas do Estado do Ceará (TCE) iniciou o programa que irá desenvolver métodos  para a detecção de inconsistências e à verificação da qualidade asfáltica de rodovias estaduais e municipais. Nesta segunda e terça-feira, 18 e 19, foi realizado um  projeto-piloto com a coleta de amostras do revestimento asfáltico e de material de base e sub-base de trecho da Rodovia Av. Perimetral de Sobral, com o objetivo de realizar testes para a elaboração do “As built” da obra. Chamado de Cientista-Chefe – Inovação da infraestrutura viária do Ceará, o projeto é uma parceria entre o Tribunal de Contas, Universidade Federal do Ceará (UFC), Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (Funcap) e Secretária de Obras Públicas (SOP).

Segundo a diretora de Fiscalização de Obras e Serviços de Engenharia e Meio Ambiente, Danielle Lira, a atividade em campo faz parte do sub-projeto “As built”, um levantamento-piloto de comparativos projeto-obra visando ao desenvolvimento de métodos eficientes para a detecção de inconsistências e à verificação da qualidade asfáltica de rodovias estaduais e municipais. “Foram obtidas informações sobre a obra da rodovia para subsidiar a matriz de planejamento, seguindo as normas e procedimentos do Instituto Brasileiro de Auditoria de Obras Públicas (Ibraop)”, explica Danielle.

Foram coletadas 18 amostras do revestimento da Av. Perimetral de Sobral, localizada entre as CE-178 e CE-440, com extensão de 11,34 km. A cada a 600 m, com o uso de sonda rotativa, eram extraídos corpos de prova dos bordos direito, esquerdo e centro da rodovia. A equipe da Diretoria de Fiscalização de Obras também recolheu amostras de solo e de brita que foram utilizados para a base e sub-base da estrada, ou seja, das camadas que ficam abaixo do asfalto. O material recolhido foi retirado diretamente da jazida de solo, com o acompanhamento dos auditores do TCE.

Com informações -Equipe Focus (focus@focus.jor.br)

novembro 2019
S T Q Q S S D
« out   dez »
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930