Archive for 21 de janeiro de 2020

Projeto de futsal com inscrições em Sobral para 140 vagas

Aulas para dependentes de trabalhadores do comércio e alunos de escolas públicas. Foto-Divulgação

Muito mais que diversão, o esporte tem o poder de transformar vidas. É com essa perspectiva que o projeto Futsal Sesc trabalha, ensinando tanto as técnicas da atividade esportiva quanto princípios relacionados à convivência e responsabilidade com a equipe. As inscrições do projeto para este ano em Sobral estão abertas.

Ao todo, 140 vagas estão disponíveis na cidade. Para participar é preciso ter entre 8 e 17 anos, ser dependente de trabalhador do comércio e aluno matriculado ou egresso da rede pública de ensino, ou bolsista integral em escola particular, com renda familiar de até três salários mínimos. Meninos e meninas podem se inscrever.

O Projeto Futsal Sesc trabalha com uma metodologia fundamentada no ensino da prática esportiva como inclusão social. De acordo com o gestor do projeto, Manoel Tobias, o foco é a preparação completa dos alunos “trabalhamos com uma organização que possibilita o crescimento dos atletas e o desenvolvimento de talentos”, destaca. Ele também chama atenção para o preparo dos monitores, que passam por qualificação específica.

Cada núcleo trabalha com turmas divididas por categorias baseadas nas idades dos jogadores: Sub-9 (8 e 9 anos), Sub-11 (10 e 11 anos) Sub-13 (12 e 13 anos), Sub-15 (14 e 15 anos) e Sub-17 (16 e 17 anos). Em atividade desde 2007, o projeto já atendeu mais de 12 mil alunos em todo o Ceará.

Serviço

Inscrições até 30/01. Local: Boulevard João Barbosa, nº 902 – Centro, Sobral. Informações: (88) 99359.6869 | 99905.4243

Abertas inscrições no Sisu para vaga em universidades

Sisu vai ofertar 237 mil vagas em 128 instituições públicas. Inscrições até domingo, 26.Foto-Divulgação

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) abriu hoje o calendário dos processos seletivos federais que usam o Enem como critério de seleção. Neste semestre, o Sisu vai ofertar 237 mil vagas em 128 instituições de ensino superior públicas. O prazo para se inscrever foi prorrogado até domingo, 26, por causa das falhas na correção do exame.

ACESSE AQUI O SITE DO SISU

Para participar do Sisu, é preciso ter feito o Enem 2019 e ter tirado nota acima de zero na prova de redação. Na hora da inscrição no processo seletivo é preciso informar o número de inscrição do Enem e a senha atual cadastrada na Página do Participante.

A nota do Enem está disponível desde sexta-feira (17) tanto no aplicativo, quanto na própria Página do Participante. É preciso informar o CPF e a senha cadastrada na hora da inscrição. Caso o candidato tenha esquecido a senha, pelo próprio sistema é possível recuperá-la.

É essa senha que deve ser usada na hora da inscrição no Sisu. O número de inscrição, que é solicitado também para participar da seleção, está disponível para cada estudante na Página do Participante.

Cálculo da nota

Na hora da inscrição, é possível escolher até duas opções de curso, de acordo com a ordem de preferência. 

Alguns cursos, no entanto, têm certas restrições. O Sisu dá liberdade para as instituições de ensino definirem como usarão o Enem. Assim, determinado curso pode exigir, por exemplo, uma média mínima no Enem – que é a soma de todas as notas obtidas nas provas do exame, dividida por cinco – ou mesmo uma nota mínima em determinada prova. Isso faz com que, dependendo da nota obtida, estudantes não sejam classificados para determinados cursos. 

É possível também conferir pesos diferenciados para as provas. A nota em ciências da natureza ou em matemática pode valer mais para um curso de física ou química, por exemplo. Dessa forma, a nota do estudante pode variar dependendo do curso para o qual ele está concorrendo.

Nota de corte

Uma vez por dia, o Ministério da Educação (MEC) divulga na página do Sisu as notas de corte, que são as menores para os candidatos ficarem entre os selecionados na modalidade escolhida. A nota de corte é calculada com base no número de vagas e no total de candidatos inscritos.

A nota de corte é apenas uma referência para auxiliar o candidato no monitoramento de sua inscrição. Ela não garante que o estudante seja selecionado. 

É possível alterar as opções de curso feitas até o final do período de inscrição. O Sisu considera válida a última opção registrada pelos estudantes.

Reservas de vagas

Todas as universidades federais, institutos federais de educação, ciência e tecnologia e centros federais de educação tecnológica participantes do Sisu oferecem vagas reservadas para estudantes que cursaram o ensino médio em escolas públicas. Há instituições participantes do Sisu que disponibilizam ainda uma parte de suas vagas para políticas afirmativas próprias.

No momento da inscrição, o participante deve optar por uma dessas modalidades, de acordo com o seu perfil. Os estudantes concorrem apenas com os demais candidatos que fazem a mesma opção, seja pela ampla concorrência ou por alguma política afirmativa. O sistema selecionará, entre eles, os que obtiveram as melhores notas no Enem de 2019.

Cronograma

As inscrições para o Sisu podem ser feitas de 21 a 24 de janeiro. No dia 28 de janeiro será divulgado o resultado da seleção. Os estudantes que forem aprovados deverão fazer a matrícula nas instituições de ensino entre 29 de janeiro e 4 de fevereiro. 

Aqueles que não forem selecionados poderão ainda participar da lista de espera. O prazo para se candidatar é de 29 de janeiro a 4 de fevereiro. Os candidatos em lista de espera serão convocados pelas próprias instituições de ensino, entre 7 de fevereiro e 30 de abril.

Próximos processos seletivos

Além de participar do Sisu, os estudantes podem usar as notas do Enem para concorrer a bolsas de estudo pelo Programa Universidade para Todos (ProUni). As inscrições poderão ser feitas de 28 a 31 de janeiro. Podem também se inscrever no Programa de Financiamento Estudantil (Fies), de 5 a 12 de fevereiro.

Os estudantes podem ainda usar as notas para cursar o ensino superior em Portugal. O Inep tem convênio com mais de 40 instituições portuguesas.

Instituições de ensino públicas e privadas utilizam o Enem como forma de seleção independente dos programas de âmbito nacional. Os estudantes podem, portanto, consultar diretamente as instituições nas quais têm interesse em estudar.

Por AGÊNCIA BRASIL 09:05 | 21/01/2020

Probabilidade de chuvas acima da normalidade é de 45%

Prognóstico da Funceme referente ao período entre fevereiro e abril .Foto-Marcos Studart

A esperança do cearense de ter boas chuvas entre os meses de fevereiro e abril deste ano pode se tornar realidade caso se confirme o prognóstico da Fundação Cearense de Meteorologia (Funceme), divulgado nesta terça-feira (21) pelo Governo do Ceará, no Palácio da Abolição. De acordo com o estudo feito pela instituição, o estado tem 45% de chance de receber chuvas acima da média para o trimestre. Já a probabilidade das precipitações ficarem em torno da média é de 35% e de ficar abaixo da média é de 20%.

Eduardo Sávio, presidente da Funceme, afirma que o prognóstico é mais otimista do que o do ano anterior. Ele destaca, ainda, que determinadas regiões devem receber mais chuvas que outras. “Nós temos um cenário mais favorável ao centro-norte do estado em relação ao sul, onde poderemos observar categorias em torno da normalidade ou até mesmo em algumas regiões no extremo sul abaixo da média”, disse Sávio.

Mesmo assim, o presidente tranquiliza a população ao explicar que isso é comum. “Temos que lembrar que anos normais são caracterizados por uma intensa variabilidade, mas o cenário, em última análise, é muito favorável para o prognóstico de chuvas esse ano. Os meses iniciais da estação chuvosa tendem a ficar na categoria acima da média e há uma redução relativa ao longo da estação”.

Com probabilidade boa de chuvas, cresce a expectativa de que mananciais importantes para a oferta hídrica recebam bons aportes. Francisco Teixeira, secretário dos Recursos Hídricos, pondera que, mesmo com a previsão favorável para a ocorrência de precipitações, é preciso ter cautela e aguardar. “Chuva não é garantia de água dentro do reservatório. Para reservatórios como o Castanhão, Orós e Banabuiú terem uma reserva representativa, a chuva tem que cair de forma intensa em um curto espaço de tempo e cair no local certo, para que aquela água possa ser canalizada para o rio principal e causar o aporte no reservatório”, explicou Teixeira.

O titular da SRH enfatizou que o Ceará já esteve em situação menos favorável, mas que graças ao trabalho feito, conseguiu garantir água. “Já chegamos a ficar com 6 ou 7% das reservas hídricas, que é metade do que temos hoje, pouco mais de 14%. Fazer ações de monitoramento eficiente do tempo e do clima para saber das nossas possibilidades de aporte é importante. Uma vez tendo o conhecimento, gerenciar aquela água com a maior eficiência possível”, comentou o gestor.

Com informações do Portal do Governo do Ceará / Texto de Fhilipe Augusto

UFC tem quatro vagas de professor para Fortaleza e Sobral

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC).Foto-Arquivo

A Universidade Federal do Ceará lançou o Edital nº 11/2020 do concurso público para cargo efetivo de professor adjunto-A do magistério superior nos campi de Fortaleza e de Sobral. São três vagas na capital cearense, das quais uma para o Departamento de Engenharia Metalúrgica e de Materiais, no setor de estudo Soldagem; e duas na Faculdade de Medicina, uma delas para o Departamento de Fisiologia e Farmacologia, no setor de estudo Farmacologia, e outra para o Departamento de Saúde da Mulher, da Criança e do Adolescente, no setor de estudo Pediatria. Há uma vaga para o Campus da UFC em Sobral, no setor de estudo Psicologia Social. As inscrições começam nesta segunda-feira (20) e seguem até 7 de fevereiro.

Em todos os casos, é exigido do candidato o título de doutor. Para a vaga do setor de estudo Pediatria, a taxa de inscrição é no valor de R$ 146,00, e o aprovado no certame terá remuneração de R$ 5.831,21 para jornada de trabalho de 40 horas semanais. Para as demais vagas, a taxa de inscrição é de R$ 240,00, e os selecionados terão vencimentos de R$ 9.616,18 referentes a 40 horas semanais de trabalho com dedicação exclusiva.

Informações sobre conteúdo programático, documentação, cronograma e fases do processo seletivo estão no edital, disponível no site da Pró-Reitoria de Gestão de Pessoas.

Fonte: Divisão de Concursos e Provimento da PROGEP – fone: (85) 3366 7407 – Portal da UFC

janeiro 2020
S T Q Q S S D
« dez   fev »
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031