Cultura

Uece realizará Vestibular com 45.614 candidatos inscritos

Campus Itaperi, em Fortaleza, situado na Avenida Silas Munguba. Foto-Arquivo

A Universidade Estadual do Ceará (Uece) promoverá o maior Vestibular de sua história, de 44 anos de criação, por intermédio da Comissão Executiva do Vestibular (CEV/Uece). Os 45.614 candidatos inscritos farão a primeira fase do Vestibular no próximo dia 15 de novembro, sexta-feira, feriado nacional. O concurso destina-se a selecionar candidatos para o primeiro semestre letivo de 2020 dos cursos de graduação da Uece.

A prova da 1ª Fase, a ser aplicada nesta data, será no formato múltipla escolha, de Conhecimentos Gerais: Língua Portuguesa, Língua Estrangeira, Geografia, História, Matemática, Física, Química, Biologia, Filosofia e Sociologia. A 2ª Fase acontecerá nos dias 15 e 16 de Dezembro de 2019, respectivamente (domingo e segunda-feira), com a realização de quatro provas: uma de Redação e três Específicas, de acordo com o curso de opção do candidato.

Os 45.614 candidatos disputam 2.534 vagas, das quais 1.268 são para os cursos de Fortaleza e 1.266 vagas são para os cursos das Unidades da Uece no Interior do Estado, localizadas nos municípios de Quixadá, Limoeiro do Norte, Itapipoca, Iguatu, Crateús, Tauá e Mombaça. Só na capital estão inscritos 37.138 candidatos e nas unidades da Uece no interior são 8.476 candidatos.

O presidente da CEV/Uece, professor Fábio Perdigão, recomenda aos candidatos, que cheguem ao seu local de prova, com uma hora de antecedência, isto é, às 8h. Fábio Perdigão informa ainda, quanto ao celular, o melhor é não levá-lo, pois qualquer descuido com suas funcionalidades poderá eliminar o candidato.

O Cartão de Informação do candidato, com os endereços e locais de prova, estará disponível no endereço eletrônico www.uece.br/cev, na próxima terça-feira, 12 de novembro.

O Vestibular de 2020.1 será realizado nas sedes da Uece, no Campus Itaperi, situado na Avenida Silas Munguba, 1.700, e no Campus Fátima, situado na Avenida Luciano Carneiro, 345, nos Campi localizados nos municípios citados acima e em vários Colégios da Rede Pública e Particular de Fortaleza.

A Uece, nos seus 44 anos de fundação, já formou 68.535 profissionais nos seus diversos cursos de graduação.

Mais informações podem ser obtidas na sede da CEV, no Campus Itaperi, por meio do endereço eletrônico www.uece.br/cev ou pelos telefones 3101.9710 ou 3101.9711.

Com informações – Portal da Uece

Sobral sedia XIII Encontro Mestres do Mundo

Encontro recebeu em 2017 Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade do IPHAN,Foto-Divulgação

Sobral é sede da 13ª edição do Encontro Mestres do Mundo, reunindo os Tesouros Vivos da Cultura do Ceará, A programação teve inicio no dia 4 e prossegue até 7 de novembro. A realização é da Secretaria da Cultura do Estado – SECULT, com produção do Instituto Assum Preto e apoio do Fórum Cearense de Cultura Popular Tradicional e da Comissão Cearense de Folclore. O Encontro recebeu em 2017 o Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade do IPHAN, pela sua importância na preservação e difusão do patrimônio imaterial cearense.

Nesta edição, os saberes e fazeres, patrimônio intangível mantido pelos Mestres da Cultura, são apresentados por meio de uma metáfora poética que os associam à natureza dos girassóis e mandacarus, flores nativas do Brasil. Com curadoria de Lourdes Macena, o projeto se espelha na força interior desses homens e mulheres que possuem uma capacidade imensa de se reconstruir e fortalecer, como fazem os girassóis que, em dias nublados, se viram um para o outro buscando força resiliente para superar a falta da luz solar.

Durante os quatro dias de evento, Sobral recebe os grandes detentores do conhecimento da nossa cultura, além de atrações de outros estados das regiões Norte e Nordeste. A programação, completamente gratuita e aberta ao público, conta com a Arena dos Mestres; espaços de formação; Feira Gastronômica e de Artesania; e Espaço dos Encantados.

Com informações da Assessoria de Comunicação da Secult-Ce

Concurso para servidores do Ministério Público do Ceará

Concurso terá 29 vagas mais formação de cadastro de reserva. Foto-Arquivo
Procurador-geral de Justiça do Ceará, Plácido Barroso Rios.Foto-Divulgação

O procurador-geral de Justiça do Ceará, Plácido Barroso Rios, anunciou nesta segunda-feira (04/11) detalhes sobre o concurso para servidores do Ministério Público do Estado do Ceará (MPCE). A banca definida para organizar o concurso será o Centro Brasileiro de Pesquisa em Avaliação e Seleção e de Promoção de Eventos (Cebraspe) e o certame contará com 29 vagas mais formação de cadastro de reserva (CR).  

Para o cargo de técnico ministerial (nível médio), serão ofertadas 12 vagas mais cadastro de reserva, sendo 9 para ampla concorrência, 1 para candidatos com deficiência e 2 para candidatos negros. A remuneração mensal é de R$ 4.038,91, composta por vencimento de R$ 2.935,08 e auxílio-alimentação de R$ 1.103,83. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais. 

Já para o cargo de analista ministerial (nível superior), serão 17 vagas mais cadastro de reserva, distribuídas nas áreas de Administração, Biblioteconomia, Ciências Contábeis, Ciências da Computação, Direito, Engenharia Civil, Psicologia e Serviço Social. A remuneração mensal é de R$ 5.919,42, composta por vencimento de R$ 4.815,59 e auxílio-alimentação de R$ 1.103,83. A jornada de trabalho é de 30 horas semanais.  

As provas para os dois cargos incluem avaliação objetiva com 120 itens, de certo ou errado, sendo 50 de conhecimentos básicos e 70 de conhecimentos específicos, além de prova discursiva de redação. O cargo de analista ministerial contará ainda com mais uma etapa, de avaliação de títulos. Informações como período de inscrições, conteúdo programático e data das provas serão detalhadas em edital a ser publicado em breve. 

O Cebraspe também foi a banca escolhida para o concurso de promotores de Justiça para provimento imediato de 44 cargos de promotor de Justiça de entrância inicial e a formação de cadastro de reserva. A minuta do edital será encaminhada para análise do Conselho Superior do Ministério Público, a quem cabe a elaboração do referido edital.  

Para o procurador-geral de Justiça, Plácido Rios, esta é mais uma demonstração do compromisso do Ministério Público do Ceará em nome da transparência e do zelo pelo concurso público. “Temos certeza que nos desincumbiremos desses concursos com bastante aptidão, competência e que todos podem ficar tranquilos de que haverá seriedade, relevância e respeitabilidade no âmbito do Ministério Público do Estado do Ceará e de todos que pretendem se candidatar a esses certames”, salienta.   

Com informações do Portal do MPCE

Prêmio de Literatura da UNIFOR abre inscrições

Prêmio de Literatura objetiva incentivar a criação literária e a sua divulgação. Foto: Ares Soares.

O Prêmio de Literatura da Universidade de Fortaleza objetiva incentivar a criação literária e a sua divulgação como forma de promoção do hábito de leitura, além de divulgar novos escritores por meio da publicação de suas obras. Nesta edição, o gênero literário escolhido é Conto.

Os candidatos, podem participar do concurso nas categorias de Obra Inédita e Trabalhos Inéditos. O livro se inclui na categoria Obra Inédita, se possuir, no mínimo, cem páginas de contos que não tenham sido publicados em nenhum órgão de comunicação, incluindo redes sociais.

Já a categoria Trabalhos Inéditos, exige que o conto tenha no máximo cinco páginas, e também não tenha sido publicado em nenhum órgão de comunicação, inclusive blogs e redes sociais. Para mais informações, o interessado deve conferir o edital.

Os trabalhos e obras serão avaliados por professores de literatura em língua portuguesa. A divulgação do resultado e entrega dos prêmios serão realizados em 23 de março de 2020, em solenidade no auditório da biblioteca.

Criado inicialmente pelo professor Batista de Lima, o projeto é oriundo da necessidade observada em relação ao estímulo literário na universidade. Batista explica que o concurso aborda três gêneros: conto, crônica e poemas, alternadamente em cada edição.

Ainda segundo o professor, a relevância em explorar o Conto nesta edição é impulsionada diretamente pela rapidez cotidiana presente no mundo contemporâneo. “O conto consiste em uma narrativa curta, o leitor consegue ler de uma só vez. A narrativa satisfaz e distrai aquele que a lê, pois a história nos reconforta e nos distancia da realidade para entrarmos em seu mundo. Este é o milagre da narrativa”, enfatiza Lima.

Inscrições

O candidato, pode inscrever até três obras diferentes e inéditas. As inscrições acontecem de 17 de outubro a 16 de dezembro de 2019, das 8h às 18h, na Vice-Reitoria de Extensão e Comunidade Universitária, localizada no prédio da reitoria da Universidade de Fortaleza. Também podem ser realizadas através do email premiodeliteratura@unifor.br, até a data limite de inscrição.

Premiação

A Comissão Julgadora selecionará uma obra inédita, que receberá uma viagem (passagens aéreas) a São Paulo, para visitar a Biblioteca Brasiliana Guita e José Mindlin, além da publicação da obra com tiragem de 400 exemplares.

Também serão selecionados 20 trabalhos inéditos para a premiação, do 1º ao 20º lugar: o autor, na categoria trabalho inédito, classificado em 1º lugar, receberá o prêmio de uma viagem (passagens aéreas) ao Rio de Janeiro para visitar a Biblioteca Nacional.

Já os autores na categoria trabalho inédito, classificados do 1º ao 20º lugar, terão seus trabalhos reunidos e publicados em forma de livro intitulado “Coletânea”, com tiragem de 20 exemplares para cada candidato.

Com informações do site https://www.unifor.br/

Papel da mulher e feminicídio foram temas de debate

Antônia Araújo, da Defensoria Pública do Ceará, ministra palestra em Sobral. Foto-Divulgação

No último dia 23 de outubro, o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de Sobral realizou seu primeiro seminário com o objetivo de discutir propostas que ajudem a enfrentar as violências de que são vítimas as mulheres no município. Durante o evento, 68 pessoas de diversas instituições debateram sobre o enfrentamento dessa questão. As proposições foram compatibilizadas em um documento que será encaminhado ao poder público. “Nós iremos juntar as propostas apresentadas durante as discussões e enviar para o prefeito, para a vice-prefeita e para a Câmara dos Vereadores para ver o que o município pode oferecer para melhorarmos o atendimento que fazemos hoje”, explica a presidente do Conselho, Teresa Cristina Mendes Carneiro.

Para a responsável pela Ouvidoria Geral Externa da Defensoria Pública do Ceará, Antônia Araújo, eventos como o seminário são essenciais tanto do ponto de vista educativo quanto para o fortalecimento e oxigenação do Conselho. “Nesses encontros a gente vai aprendendo umas com as outras, bebendo nas experiências que são colocadas, vai formando essa rede de conhecimentos de como atuar.” Antônia ministrou palestra sobre a mulher na sociedade em que enfatizou o apagamento da atuação das mulheres pela narrativa dominante. “Apesar das dificuldades, as mulheres trabalham e constroem a história do país todos os dias”.

O feminicídio foi o tema abordado pela palestra da representante da Secretaria de Proteção Social, Justiça, Cidadania, Mulheres e Direitos Humanos do Ceará, Jaqueline Pinheiro. O crime consiste no assassinato de mulheres pelo fato de serem mulheres e geralmente acontece com detalhes de crueldade. Jaqueline afirmou que o Brasil é o quinto pais do mundo onde o feminicídio é mais cometido e o 4ª na América Latina. O Ceará é o segundo estado do país, em termos proporcionais, em números de feminicídio, perdendo apenas para São Paulo.  “A morte de uma mulher é um recado para todas as mulheres. E diz: se vocês não se ‘comportarem’ isso pode acontecer com vocês”, acredita a palestrante.

Entre as ações propostas pelos participantes do Seminário, estão a implantação de um juizado de violência doméstica e familiar contra a mulher; a capacitação dos profissionais de saúde e educação do município sobre os direitos das mulheres, além da realização de campanhas educativas sobre o tema.

Conselho da Mulher

O Conselho dos Direitos da Mulher foi criado em Sobral pela Lei Nº 301 de 30 de maio de 2001 e hoje é vinculado à vice-prefeitura do município.  É composto por dez conselheiras, cinco indicadas pela sociedade civil e cinco pelo Poder Executivo Municipal. O Conselho é uma entidade que se presta ao controle das políticas públicas direcionadas às mulheres, produzindo uma interseção entre elas e garantindo o atendimento para aquelas mulheres que sofrem alguma violência.

Adriana Brandão –  Jornalista

Estátua de Belchior marca aniversário do cantor em Sobral

Estátua na Praça São João,em Sobral.No registro,jornalista F. Edilson Silva com Belchior.Foto-Divulgação j
Feita de bronze, a escultura pesa 204 quilos, busca a reprodução fiel do cantor e compositor Belchior

O cantor e compositor Belchior, falecido em abril de 2017, foi homenageado com uma estátua em tamanho real em uma praça em sua cidade natal, Sobral, no Norte do Ceará. Feita de bronze, a escultura pesa 204 quilos, busca a reprodução fiel e retrata o artista cantando com um violão nas mãos. Foi encomendada pela Prefeitura para a celebração do aniversário do cantor e, desde terça-feira (29), está em exposição permanente na Praça São João, sendo mais um fator de atração turística para o município.

No mesmo dia houve no Theatro São João, a partir das 19h, a Mostra “Para Belchior com Amor”. Os grupos da Escola de Música de Sobral fizeram apresentação especial das canções de Belchior, em homenagem aos 73 anos que o cantor e compositor sobralense estaria completando no dia 26 de outubro (1946-2017).

A mostra teve como objetivo celebrar a relação que o conhecido “rapaz latino-americano” mantinha com Sobral e sua história, tendo estado presente em muitos momentos marcantes da cidade, como é o caso de sua presença na inauguração da Casa da Cultura de Sobral, em 1998

Estátua

O artista plástico Murilo Sá, natural do estado de São Paulo, foi o responsável pela confecção da estátua que levou seis meses para ficar pronta. Ele esteve na Praça São João, com o prefeito Ivo Gomes, acompanhando a colocação da estátua no local. “É um processo delicado e feito em várias etapas. Primeiro a estátua é feita na argila, depois moldada em silicone e gesso. Posteriormente, a peça é forjada em bronze”, detalhou o profissional.

Mestrado e doutorado em Ciência da Computação na UFC

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC).Foto-Arquivo

O Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação (MDCC) está com inscrições abertas, até o dia 3 de novembro, para seleção de mestrado e doutorado, com ingresso no semestre letivo 2020.1, conforme os editais n° 01/2019 e n° 02/2019.

Para o curso de mestrado são ofertadas 33 vagas, divididas nas linhas de pesquisa seguintes: Algoritmos, Grafos e Otimização (3 vagas); Banco de Dados (15 vagas); Computação de Alto Desempenho (1 vaga); Computação Gráfica (2 vagas); Engenharia de Software (6 vagas); Lógica e Inteligência Artificial (1 vaga); e Redes de Computadores (5 vagas). As inscrições devem ser realizadas por meio do Sistema Integrado de Gestão de Atividades Acadêmicas (SIGAA).

Já para o doutorado, estão disponíveis 25 vagas, distribuídas nas seguintes linhas de pesquisa: Algoritmos, Grafos e Otimização (2 vagas); Banco de Dados (10 vagas); Computação de Alto Desempenho (1 vaga); Computação Gráfica (1 vaga); Engenharia de Software (5 vagas); Lógica e Inteligência Artificial (1 vaga); e Redes de Computadores (5 vagas). As inscrições são através do SIGAA.

Mais informações sobre a seleção podem ser encontradas no site do MDCC ou nos editais.

Fonte: Portal da UFC – Programa de Mestrado e Doutorado em Ciência da Computação ‒ fone: (85) 3366 9847

Estudante de Morrinhos fica entre os vencedores do Projeto Jovem Senador

Alan Alves Henrique Ferreira, de 16 anos, cursa a 1ª série do ensino médio.Foto-Arquivo pessoal


O estudante Alan Alves Henrique Ferreira, de 16 anos, que cursa a 1ª série do ensino médio na Escola Estadual Carminha Vasconcelos, localizada no município de Morrinhos, conseguiu ficar entre os vencedores do Projeto Jovem Senador, promovido pelo Senado Federal. A iniciativa consiste em um concurso de redação, que seleciona alunos de escolas públicas estaduais para vivenciarem o trabalho de um senador, em Brasília.

A cada ano, a organização do certame lança um tema a ser explorado pelos jovens. Em 2019, os textos teriam que ser baseados na expressão “Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil”. Alan Alves apresentou a redação “Orçamento participativo: caminho para a cidadania”, que obteve o segundo lugar geral, após passar por seletivas estadual e nacional. Antes, a produção textual havia ficado em primeiro lugar no Ceará. Neste ano, o Jovem Senador recebeu mais de cem mil redações de todo o país.

“Assim que soube da notícia fiquei muito feliz e animado pra viajar a Brasília e conhecer o Senado. Tenho certeza de que será bastante útil para minha vida”, diz o jovem, sobre a expectativa em relação à viagem, que ocorrerá de 25 a 30 de novembro. “Estou contando os dias, ajeitando tudo, preparando os detalhes”, explica.

Alan conta que cultiva os hábitos da leitura e da escrita. “Escrevo tanto na escola como em casa. Leio bastante e faço parte dos multiplicadores do Ciclo de Leitura da escola”, esclarece. Nestes ciclos, conforme Alan, os alunos organizam-se em círculo e leem livros. A cada trecho lido, os participantes podem comentar sobre o assunto abordado.

Esmero

Entre os resultados práticos destes hábitos, o estudante relata que conseguiu aperfeiçoar a caligrafia e melhorar o rendimento em outras disciplinas. “Descubro palavras novas e, quando pesquiso para saber seu real significado, adquiro conhecimento para minha vida”, observa.

Sobre o tema proposto para a redação do Jovem Senador, Alan revela ter se sentido desafiado, mas que o apoio recebido na escola foi decisivo para que se mantivesse firme e participasse do concurso. “Era um tema difícil, que eu ainda não tinha ouvido falar. Não sabia como funcionava o orçamento público, nem tinha ideia do que se tratava, mas minha professora Francisca Hevalda Soares, que foi orientadora da redação, me incentivou a continuar, dizendo que era uma oportunidade única. Orientou que eu fosse paciente, respeitasse as pontuações e não ultrapassasse os limites da linha”, lembra.

A partir daí, teve início o trabalho de pesquisa do estudante, com o objetivo de apropriar-se do tema. “Estudei até o prazo para entregar o texto. Pesquisei, analisei, vi os pontos mais importantes. Fui até o site do Senado, busquei tópicos que falavam sobre o orçamento público. Foi um grande aprendizado”, ressalta.

Motivação

Aos estudantes que também pensam em participar do Projeto Jovem Senador em edições futuras, Alan recomenda que é preciso manter a autoconfiança e buscar maneiras de se preparar. “A nossa vida é cheia de barreiras, mas temos que quebrá-las. Temos muitos meios de pesquisa na internet, para aprender mais sobre os temas, e todos têm a capacidade de desenvolver bons trabalhos”, argumenta.

A respeito do futuro, Alan menciona o desejo de fazer curso superior de Direito, para então dar início à carreira política. “É uma área que me interessa muito”, frisa.

Com informações – Portal do Governo do Ceará



24ª edição do Seminário sobre a Educação de Sobral

O evento recebe gestores, pesquisadores e estudantes. Foto-Arquivo

Acontecerá, nos dias 24 e 25 de outubro, no Planetário, a 24ª edição do Seminário sobre a Educação de Sobral. O evento recebe gestores, pesquisadores e estudantes interessados em conhecer a política educacional que levou o município a ter a melhor educação pública do Brasil.

Durante o seminário, os participantes conhecem a Casa da Avaliação Externa, a Escola de Formação Permanente do Magistério e Gestão Educacional e escolas da rede pública municipal, além de assistirem a palestras com o secretário Herbert Lima e técnicos da Secretaria da Educação de Sobral.

A 23ª edição do Seminário e 1ª edição do Seminário de Integração Escola e Universidade, realizada nos dias 26 e 27 de setembro, contaram com a participação de secretários, coordenadores, professores e estudantes dos estados do Ceará, Minas Gerais, Paraná, Rio Grande do Norte, Santa Catarina e São Paulo.

Inscrições AQUI

Com informações do Portal da Prefeitura de Sobral

Inscrições para Doutorado em Economia Rural na UFC

Reitoria da Universidade Federal do Ceará (UFC).Foto-Divulgação

Estão abertas, até 4 de novembro, as inscrições para a seleção da turma 2020.1 do Doutorado em Economia Rural, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Economia Rural (PPGER) da Universidade Federal do Ceará. O curso possui três linhas de pesquisa: Economia Aplicada ao Agronegócio; Economia de Recursos Naturais e Política Ambiental; e Políticas Públicas e Desenvolvimento Rural Sustentável.

De acordo com o Edital nº 04/2019, são ofertadas três vagas. Os candidatos deverão preencher a ficha de inscrição através de formulário eletrônico disponível no SIGAA (aba Processos Seletivos Stricto Sensu) e entregar o comprovante, com os demais documentos exigidos, na secretaria do PPGER.

Mais informações sobre seleção, cronograma e documentação necessária podem ser consultadas no edital.

Fonte: Portal da UFC/ Coordenação do Programa de Pós-Graduação em Economia Rural – fone: (85) 3366 9716

novembro 2019
S T Q Q S S D
« out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930