Estudante de Morrinhos fica entre os vencedores do Projeto Jovem Senador

Alan Alves Henrique Ferreira, de 16 anos, cursa a 1ª série do ensino médio.Foto-Arquivo pessoal


O estudante Alan Alves Henrique Ferreira, de 16 anos, que cursa a 1ª série do ensino médio na Escola Estadual Carminha Vasconcelos, localizada no município de Morrinhos, conseguiu ficar entre os vencedores do Projeto Jovem Senador, promovido pelo Senado Federal. A iniciativa consiste em um concurso de redação, que seleciona alunos de escolas públicas estaduais para vivenciarem o trabalho de um senador, em Brasília.

A cada ano, a organização do certame lança um tema a ser explorado pelos jovens. Em 2019, os textos teriam que ser baseados na expressão “Cidadão que acompanha o orçamento público dá valor ao Brasil”. Alan Alves apresentou a redação “Orçamento participativo: caminho para a cidadania”, que obteve o segundo lugar geral, após passar por seletivas estadual e nacional. Antes, a produção textual havia ficado em primeiro lugar no Ceará. Neste ano, o Jovem Senador recebeu mais de cem mil redações de todo o país.

“Assim que soube da notícia fiquei muito feliz e animado pra viajar a Brasília e conhecer o Senado. Tenho certeza de que será bastante útil para minha vida”, diz o jovem, sobre a expectativa em relação à viagem, que ocorrerá de 25 a 30 de novembro. “Estou contando os dias, ajeitando tudo, preparando os detalhes”, explica.

Alan conta que cultiva os hábitos da leitura e da escrita. “Escrevo tanto na escola como em casa. Leio bastante e faço parte dos multiplicadores do Ciclo de Leitura da escola”, esclarece. Nestes ciclos, conforme Alan, os alunos organizam-se em círculo e leem livros. A cada trecho lido, os participantes podem comentar sobre o assunto abordado.

Esmero

Entre os resultados práticos destes hábitos, o estudante relata que conseguiu aperfeiçoar a caligrafia e melhorar o rendimento em outras disciplinas. “Descubro palavras novas e, quando pesquiso para saber seu real significado, adquiro conhecimento para minha vida”, observa.

Sobre o tema proposto para a redação do Jovem Senador, Alan revela ter se sentido desafiado, mas que o apoio recebido na escola foi decisivo para que se mantivesse firme e participasse do concurso. “Era um tema difícil, que eu ainda não tinha ouvido falar. Não sabia como funcionava o orçamento público, nem tinha ideia do que se tratava, mas minha professora Francisca Hevalda Soares, que foi orientadora da redação, me incentivou a continuar, dizendo que era uma oportunidade única. Orientou que eu fosse paciente, respeitasse as pontuações e não ultrapassasse os limites da linha”, lembra.

A partir daí, teve início o trabalho de pesquisa do estudante, com o objetivo de apropriar-se do tema. “Estudei até o prazo para entregar o texto. Pesquisei, analisei, vi os pontos mais importantes. Fui até o site do Senado, busquei tópicos que falavam sobre o orçamento público. Foi um grande aprendizado”, ressalta.

Motivação

Aos estudantes que também pensam em participar do Projeto Jovem Senador em edições futuras, Alan recomenda que é preciso manter a autoconfiança e buscar maneiras de se preparar. “A nossa vida é cheia de barreiras, mas temos que quebrá-las. Temos muitos meios de pesquisa na internet, para aprender mais sobre os temas, e todos têm a capacidade de desenvolver bons trabalhos”, argumenta.

A respeito do futuro, Alan menciona o desejo de fazer curso superior de Direito, para então dar início à carreira política. “É uma área que me interessa muito”, frisa.

Com informações – Portal do Governo do Ceará



Leave a Reply

novembro 2019
S T Q Q S S D
« out    
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
252627282930