Filme produzido na periferia de Fortaleza estreará na Globo

Moises Loureiro (ao centro) e equipe da Vetinflix comemoram produção. Foto-Divulgação

Mostrar a qualidade artística produzida na periferia do Ceará. Foi com essa intenção que nasceu a Vetinflix, um coletivo de produção de conteúdo de favela que agora ganhará novas proporções. O coletivo, junto à AGA Produções, fechou uma produção exclusiva com a Globo, a TV Verdes Mares e a Globoplay.  

“Será um telefilme, um filme produzido para ser exibido diretamente na televisão e no canal de streaming da Globoplay. Estamos produzindo o roteiro e devemos começar a rodar já em dezembro ou em janeiro do ano que vem”, adianta Moises Loureiro. O ator  compõe a equipe que escreve o roteiro e também atuará no filme, além de preparar o elenco. 

No time de atuação, nomes conhecidos nas redes sociais locais como Leo e Dudu Suricate,  PobretionEverton Cassio e demais produtores de conteúdo, atores e artistas da periferia de Fortaleza.  

“Tem pivete de toda periferia, de todo canto de Fortaleza. O La Casa d’uz Vetin começou nesse intuito de mostrar a periferia que o Brasil não conhece. O pessoal conhece a periferia do Rio e de São Paulo e é como se o resto do Brasil não tivesse periferia”, comenta Moises.

A produção será exibida no Ceará por meio da TV Verdes Mares, afiliada da Globo. “Estivemos hoje com todo o time da produção para anunciar que o projeto foi aprovado”, comenta Fábio Ambrosio, diretor de programação da TV Verdes Mares. 

A oportunidade nasceu dentro de um projeto de encubadora audiovisual que existe dentro da emissora, cujo consultor artístico é o ator Selton Mello. “Foram mais de 40 projetos que passaram pelos diretores e pelo próprio Selton”, comemora Moises. 

Diário do Nordeste/ Escrito por Redação, 6:37 / 03 de Setembro de 2020

Leave a Reply

outubro 2020
S T Q Q S S D
« set    
 1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031