Realizado em Sobral o XIII Encontro Mestres do Mundo

Vice-governadora Izolda Cela participou da programação do Encontro Mestres do Mundo.Fotos-Divulgação
Mais de 70 mestres da cultura, grupos e coletividades estiveram reunidos em Sobral

A cultura cearense se ilumina. As apresentações das mais diversas manifestações da cultura popular, como o reisado, bumba-meu-boi e o coco; as rodas de repasse de saberes e fazeres do mestres e mestras da cultura do Ceará; e a demonstração de resistência de grupos que mantêm viva a cultura no interior do Estado, marcaram os 4 dias do XIII Encontro Mestres do Mundo em Sobral, de 4 a 7 de dezembro, realizado pelo Governo do Estado do Ceará, por meio Secretaria da Cultura (Secult). Momentos especiais fortaleceram o objetivo do encontro: a fala do povo Wajãpi, do Amapá, sobre a preservação da terra e da cultura indígena; a homenagem ao mestre Antonio feita por seu Reisado dos Irmãos e sua filha; e as rodas de saber entre mestres, jovens e crianças.

Reunindo 74 guadiões da cultura cearense, o encontro foi palco também da diplomação de 11 novos mestres, além de dois grupos e uma coletividade, selecionados por meio de Edital “Tesouros Vivos da Cultura” do Estado do Ceará, lançado em 2018. Junto ao diploma, os novos mestres receberam o Título de Notório Saber em Cultura Popular, concedido pela Universidade Estadual do Ceará (Uece), em articulação com a Secult.

Foram dias de aulas-espetáculo, oficinas com estudantes da rede pública de ensino, apresentações com grupos de cultura popular locais e de outros cantos do Brasil, como o povo Wajãpi, e do mundo, com o grupo Fuocco di Strada, do México, além de feira de artesanato, exposições e seminário. O evento estruturante da Secult e parte integrante da política de patrimônio imaterial da pasta recebeu mais de 18 mil pessoas.

“É uma alegria estarmos nessa festa, nessa culminância e momento de encerramento festivo. Eu trago aqui os cumprimentos do governador Camilo Santana. Ele me incumbiu de trazer a todos vocês o abraço dele. Como vocês sabem, ele é um governador que vem procurando fortalecer essa política que a Secretaria da Cultura vem fazendo. Eu vejo que essa política dos mestres – e o governador também acha isso – é uma das mais vigoras e importantes da Secretaria. Acho que o Encontro trouxe uma chama da cultura para a cidade. E a cidade de Sobral também recebeu muito bem o evento. Os Mestres trazem saberes e conhecimentos que têm a ver com a nossa identidade e nossa história. Isso é muito importante e devemos valorizar nossas raízes. Agradeço a cada Mestre pela disposição que eles têm de compartilhar e de encantar as pessoas com suas vivências”, declarou a vice-governadora Izolda Cela, na cerimônia de encerramento do XIII Encontro Mestres do Mundo.

“Aqui é um lugar de muito amor e muita ternura. O tema dessa edição do Encontro é ‘Construindo Resistência Entre Girassóis e Mandacarus’. Nós recebemos aqui nesses dias o povo Wajãpi, que está sob ameaça. Estamos defendendo aqui seus direitos enquanto povos originários. Encontramos com eles e com os Mestres da cultura indígena do Ceará, porque estamos também nessa defesa de todos os povos indígenas. Aqui é um lugar de encontro, para celebrar nossa cultura, mas também é lugar de reinvenção”, destacou, por sua vez, o secretário da Cultura do Estado do Ceará, Fabiano Piúba.

Com informações do Portal da Secult-CE

Leave a Reply

janeiro 2020
S T Q Q S S D
« dez    
 12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031