Centenário de Virgílio Távora é comemorado na Assembleia

Solenidade na Assembleia Legislativa do Ceará, na noite de quinta-feira,26.Fotos-Leomar/AL
Engenheiro e ex-deputado César Barreto Lima foi agraciado com a Medalha Virgílio Távora 

O centenário de nascimento do governador, senador e ministro Virgílio Távora foi lembrado em sessão solene, nesta quinta-feira (26/09), no Plenário 13 de Maio da Assembleia Legislativa. Durante o evento, também foi homenageado – com a Medalha Virgílio Távora – o engenheiro e ex-deputado César Barreto Lima. A homenagem foi proposta pelos deputados Evandro Leitão (PDT) e Heitor Férrer (SD) e subscrita pela deputada Dra. Silvana (PR).

Segundo Heitor Férrer, o evento tem a missão pedagógica de mostrar à sociedade quem foi Virgílio Távora e por que ele está sendo homenageado. “Virgílio Távora foi um estadista no sentido lato do vocábulo, não só pelos dotes da liderança que empreende com naturalidade a conquista de seguidores para ideias e ação, como pela determinação de transpor obstáculos e construir pontes para o futuro”, destacou.

O deputado estadual Oriel Nunes Filho (PDT) contou que seu pai, Oriel Nunes, foi amigo e seguidor de Virgílio Távora. “Se meu pai estivesse vivo, também estaria aqui para prestar essa homenagem. Virgílio Távora foi um homem, como diz meu amigo César Barreto, da ‘palavra dita’, assim como o foram em seu tempo o doutor Mauro (Benevides) e meu pai Oriel Nunes”, frisou.

Vice-presidente da Assembleia Nacional Constituinte de 1987, Mauro Benevides ressaltou a competência de Virgílio Távora para gerir a coisa pública. O ex-senador e ex-deputado lembrou ainda da atuação do político enquanto membro da Assembleia Constituinte. “Mesmo acompanhado daquela moléstia que o acometeu, ele sempre demonstrava sua preocupação em cumprir o seu dever e trabalhar infatigavelmente pelos interesses do Ceará, do Nordeste e do País”, pontuou.

Na ocasião, a filha do ex-senador Virgilio Távora, Teresa Maria Távora Ximenes, recebeu um certificado em homenagem ao pai.

Medalha Virgílio Távora 

Ainda durante a solenidade, o engenheiro e ex-deputado César Barreto Lima foi agraciado com a Medalha Virgílio Távora. 

A entrega foi conduzida pelo deputado Evandro Leitão. “O perfil da honraria, por si só, já diz tudo: apenas duas pessoas foram homenageadas desde quando a mesma foi instituída: o próprio Virgílio Távora, em 1999, com a entrega à viúva do ex-governador, Luiza Távora; e, em 2012, ao ex-ministro da Ciência e Tecnologia, Roberto Amaral. Portanto, essa é a terceira pessoa que vem a receber essa medalha, e eu estou extremamente feliz de estar participando desse momento. Essa Casa faz reconhecimento a toda sua trajetória de vida. Parabéns”, destacou o parlamentar.

Autor da biografia “Virgílio Távora: o estadista cearense”, César Barreto agradeceu a homenagem e disse não ter palavras para comentar sobre a honra de ser o terceiro cearense a receber essa comenda. “Virgílio foi um segundo pai para mim, e tenho certeza de que ele está lá, ao lado dessa mulher extraordinária, que é dona Luiza Távora, e do meu pai, Cesário Barreto, olhando para a gente e sorrindo. Muito obrigado”, ressaltou.

Instituída em 11 de maio de 1988, a Medalha Virgílio Távora tem como intuito homenagear grandes políticos cearenses que se destacam nacionalmente na defesa da democracia brasileira.

Também participaram da solenidade o deputado estadual Salmito (PDT); o presidente do Instituto Histórico, Geográfico e Antropológico do Ceará e ex-governador do Estado do Ceará, Lúcio Alcântara; o deputado federal Roberto Pessoa (PSDB-CE); e o ministro emérito do Tribunal de Contas da União, Ubiratan Aguiar.

Agência de Notícias da Assembleia Legislativa do Ceará – BD/CG

Deixe uma resposta

janeiro 2021
S T Q Q S S D
 123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031
Comentários
Arquivos